Lucas Fernandes e Artur - Sao Paulo

Artur comemora gol ao lado de Lucas Fernandes na Libertadores Sub-20 (Foto: Divulgação/Conmebol)

Bruno Grossi
16/06/2016
10:30
São Paulo (SP)

Perder atletas por lesões e suspensões tem sido uma rotina e um peso para o São Paulo. Mas, para o jogo de domingo contra o Flamengo, a série de desfalques abrirá caminho para uma das grandes apostas da base do clube estrear no profissional. O volante Artur deve ser a única opção de ofício para substituir Thiago Mendes, que levou o terceiro cartão amarelo contra o Vitória.

Aos 20 anos, José Artur de Lima Júnior foi titular nos títulos do sub-20 tricolor entre o fim de 2015 e o início deste ano, com a Copa Libertadores da América da categoria. A princípio, ele subiria ao profissional para um período de transição, mas, desde que iniciou os treinos com Edgardo Bauza, não retornou mais ao CFA Laudo Natel, em Cotia.

O volante é visto como um jogador discreto. Basta perceber que o alarde sobre o time sub-20 quase sempre passou por Banguelê, seu companheiro na marcação no time de André Jardine. No dia a dia, mostra ser sério e comprometido, além de cumprir com facilidade as exigências de Patón. No domingo, em Brasília, ele poderá provar que as expectativas têm fundamento.

Banguelê, por exemplo, teve uma chance na estreia do Campeonato Brasileiro, contra o Botafogo, e não foi bem - até Voltou a treinar com o sub-20, como sequência do processo de transição para o profissional. Além da suspensão de Thiago Mendes, Artur conta com as lesões de Hudson e Wesley, que já correm no gramado, para ser titular ao lado de João Schmidt contra o Flamengo.

Outro suspenso para o jogo no Mané Garrincha é  o uruguaio Diego Lugano, que dará lugar a Rodrigo Caio. Já a lista de lesionados ganhou o garoto Lucas Fernandes, que rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo.

- Estamos com má sorte com lesões, como a grave de Lucas que o tirou de todo o ano - lamentou Bauza, após o jogo de quarta-feira contra o Vitória.