William Correia
03/10/2017
06:30
São Paulo (SP)

No domingo, Shaylon encerrou um jejum de quase três meses. O meia de 20 anos, formado nas categorias de base do São Paulo, ganhou sua primeira oportunidade sob o comando de Dorival Júnior, entrando no lugar de Cueva aos 35 minutos do segundo tempo, contra o Sport. E, agora, se diz preparado para ser mais útil dentro de campo.

- Estou pronto. Sei que será uma sequência muito difícil, mas tenho me preparado bastante para ajudar os meus companheiros da melhor maneira possível - comentou o camisa 20, ao LANCE!.

Shaylon não atuava desde 9 de julho, quando saiu do banco para balançar as redes na derrota por 3 a 2 para o Santos, na Vila Belmiro. Aquele foi o último jogo da equipe antes de Dorival Júnior assumir o comando. Apesar de não usá-lo nas partidas, o técnico testou o jogador vindo de Cotia em diversas posições no meio-campo nos treinos, chegando até a escalá-lo como lateral-esquerdo.

No domingo, o camisa 20 atuou na posição em que se sente mais à vontade, e ajudou a desafogar um pouco a partida. Cerca de dois minutos depois de entrar em campo, recebeu passe de Pratto na grande área e finalizou com perigo, batendo rasteiro e parando em grande defesa do goleiro Magrão. Levantou a torcida que foi ao Morumbi.

- Com certeza, o apoio que a torcida nos dá está sendo fundamental, e jogar com o Morumbi lotado nos dá uma motivação a mais para sairmos dessa situação - comentou Shaylon, ciente de que, nas próximas cinco partidas como mandante, o Tricolor terá de atuar no Pacaembu, já que o Morumbi receberá shows em outubro e novembro.

Independentemente do palco, a ideia do meia é ser mais útil. Ele foi promovido aos profissionais por Rogério Ceni e estreou durante a pré-temporada no Estados Unidos, no 0 a 0 diante do River Plate, na Florida Cup, em 19 de janeiro. Acumula dez partidas e um gol no time principal. Agora, o foco é ajudar o clube a afastar logo qualquer perigo de disputar a Série B em 2018.

- Sem dúvida, estamos em uma sequência muito boa e vamos procurar manter isso para seguir subindo na tabela - falou Shaylon, que chegou a ser testado como titular em alguns treinos nesse período sem jogar. E animado pelo salto que o time deu na tabela ao vencer o Sport por 1 a 0, nesse domingo.

Após ficar 13 rodadas na zona de rebaixamento, o São Paulo terminou a 26ª rodada da competição fora do Z4.  Os comandados de Dorival Júnior receberam dois dias de folga e voltam a trabalhar na tarde de quarta-feira, no CT da Barra Funda. A equipe entra em campo novamente às 21h45 do dia 11, diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte.