Victor Ferraz - Santos

Victor Ferraz aposta em equilíbrio para o clássico com o Palmeiras (Foto: Ivan Storti / Santos FC)

LANCE!
27/10/2016
17:30
Santos (SP)

"Minha fé é inabalável". É com essa declaração que o lateral-direito Victor Ferraz abre a resposta para justificar sua crença no título do Santos no Brasileirão deste ano. A nove pontos do líder, o Peixe tem justamente o rival como adversário neste sábado, às 19h30, na Vila Belmiro.

Apesar de considerável vantagem alviverde na ponta da tabela, o Peixe aposta todas as suas fichas em vitória no clássico para reabrir a disputa pelo troféu. E para o camisa 4, fé é o que não pode faltar aos santistas nesta reta final.

- Eu falo por mim. Minha fé é inabalável. Acredito que temos chance de ser campeão, e enquanto tiver chance (matemática), eu creio nisso, acredito nisso. Vamos fazer nossa parte, fazer de tudo para vencer porque se vencer a porcentagem (de chance de título) aumenta - explicou, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, no CT Rei Pelé.

No entanto, Victor Ferraz sabe que uma vitória diante do líder, que é ainda por cima o melhor visitante da competição, não será fácil. O lateral santista vê o rival com estratégia diferente em relação aos últimos clássicos e aposta em marcação alta alviverde.

- O Palmeiras mudou bastante. Eles vão vir marcando pressão, na minha opinião. O Cuca não vai querer marcar atrás do meio de campo. E vamos tentar jogar dentro da nossa estratégia. Palmeiras tem uma transição rápida, pois os três da frente são velozes. Se defendem bem e tem boa bola parada. Precisamos estar atentos a isso e estar em uma grande noite para sair com a vitória.

Se em 2015, com o excesso de decisões entre os clubes, os clássicos ficaram marcados pelo equilíbrio, com o mandante fazendo seu dever de casa, em 2016 não tem sido diferente. Os três jogos entre Santos e Palmeiras deste ano terminaram empatados, e o lateral não vê favoritismo apesar da força da Vila Belmiro.

- Não tem favorito, eles estão em uma grande fase, mas é muito difícil dizer que alguém vai vir aqui na Vila e ser favorito contra a gente. A gente espera estar em uma grande noite para vencer. A Vila lotada nunca é um problema para o Santos. A Vila lotada é completamente diferente, com 15 mil parece que tem 50 mil. É apertado e a acústica é diferente. Os meninos da base se transformam quando jogam na Vila.