Russel Dias
09/10/2017
17:26
Santos (SP)

Enquanto o Santos não define seu futuro, já que terá eleições presidenciais no dia 9 de dezembro, o técnico Levir Culpi pode definir o dele em breve. No Japão, ele é cotado para assumir o Gamba Osaka, no ano que vem. 

O presidente do clube, Takashi Yamanouchi, confirmou o interesse no treinador do Peixe nesta segunda-feira, de acordo com o veículo Nikkansports.

- Quero decidir isso (escolha de técnico) neste mês. Estamos negociando com ele (Levir Culpi). Ele tem contrato com o Santos e teria que pagar uma multa, é uma situação abrangente, ele quer trabalhar no Japão - disse o dirigente japonês.

Em contato com a reportagem do LANCE!, o empresário do treinador, Juliano Davila, negou que houvesse qualquer proposta do Japão.

Em entrevista ao L! na última sexta-feira, Levir afirmou que só um planejamento o faria permanecer no Peixe em 2018 e completou:

- Por essa palavra, você pode ver que vai ser difícil para chuchu.

No último dia 25, após o Santos vencer o Atlético-PR, na Vila Belmiro, Levir foi questionado em entrevista coletiva sobre o interesse de uma equipe japonesa e respondeu com bom humor.

- Falando sério? Estou indo já. Não tem nada, mas estou feliz em saber. É motivo de alegria, o Japão é um país maravilhoso e aprendi muito lá. Alguém até falou que eu estava desatualizado porque fiquei sete anos lá. É um completo engano. Fui lá para aprender futebol e não ensinar. Tudo funciona melhor lá. Seria um prazer voltar para o Japão, mas não tem nada. Não sei de onde surgiu isso - afirmou.

O técnico trabalhou no Cerezo Osaka duas vezes: a primeira em 1997 e a segunda por um período mais longo, de 2007 até 2013.

Sua passagem pelo Santos começou no dia 12 de junho. Desde então, comandou o time em 13 vitórias, nove empates e quatro derrotas, entre elas a que culminou na eliminação das quartas de final da Libertadores, para o Barcelona de Guayaquil (ECU). Seu vínculo com o Peixe é válido até o dia 31 de dezembro.