Paulinho

Atacante posa ao lado de Dagoberto Santos e Sergio Dimas, dirigentes do Peixe (Foto: Divulgação)

LANCE!
04/01/2016
18:40
Santos (SP)

O Santos enfim confirmou sua primeira contratação para a temporada de 2016. Aos 27 anos, o atacante Paulinho foi emprestado por um ano pelo Flamengo, e realizou a primeira bateria de exames médicos no CT Rei Pelé nesta segunda-feira, logo após conhecer a estrutura do clube. Em comunicado oficial, o clube confirmou a apresentação do jogador para a próxima quarta, às 15h. Uma hora depois, o elenco do técnico Dorival Júnior se reapresenta para o início da pré-temporada.

- Estava com uma grande expectativa em vir, estou muito feliz em chegar a Santos e conhecer o clube. Estou muito ansioso e motivado pela oportunidade que o Santos está me dando. Não vejo a hora de ser apresentado e também conhecer o grupo neste retorno para a temporada - disse Paulinho, em suas primeiras palavras como jogador do Santos.

Paulinho chegou ao CT Rei Pelé nesta segunda-feira, conforme avisado ao Santos na semana passada. Ele já realizou as primeiras avaliações médicas, mas completará a bateria nesta terça-feira. A ideia é que o contrato seja assinado na quarta pela manhã, assim que houver a aprovação nos exames médicos. O Santos não descarta apresentar outras novidades no dia da reapresentação, mas até o momento não tem nenhuma negociação concluída.

Paulinho defende o Flamengo desde 2013, mas foi afastado do elenco no ano passado por motivos disciplinares. Já liberado do clube para procurar outro destino na próxima temporada, ele negociou com o Corinthians e até apareceu em uma foto postada nas redes sociais de amigos com a camisa do rival. As conversas com o Timão não avançaram, mas o Santos manteve o interesse no jogador de 27 anos e agora oficializa o reforço, já defendido publicamente pelo presidente Modesto Roma Júnior.

- O Paulinho usou a camisa do Corinthians e também a do Flamengo no ano passado. Posou em momento de 'ah, posa aí...'. Normal. Sem essa, gente! Nada a ver... - afirmou o presidente do Santos, em entrevista recente, ainda sem a oficialização do novo reforço.