Copa do Brasil - Santos x Gama (Foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

Ricardo Oliveira marcou três gols contra o Gama, sendo dois deles de pênalti (Foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

LANCE!
28/07/2016
00:14
São Paulo (SP)

Antes da partida contra o Gama, Ricardo Oliveira disse ao LANCE! estar com fome de gols. Insaciável, o atacante fez três gols nesta quarta-feira e classificou o Santos para as oitavas de final da Copa do Brasil. Após a partida, o jogador decidiu levar a bola do jogo para casa, como uma recordação da boa atuação.

- Vou levar a bola e dar ao meu filho - disse Ricardo Oliveira.

Este foi o segundo hat-trick do atleta com a camisa do Santos. Na primeira passagem, marcou três vezes contra a Inter de Limeira, em 2003. Ricardo minimizou o feito, mas festejou a boa fase que vive no Alvinegro Praiano, onde já colecionada dez gols e cinco assistências nesta temporada. 

- Fiz três gols na minha primeira passagem, mas não lembro no restante da carreira. Não conto meus hat-tricks, fazer gol é minha função. Acima de qualquer vaidade, o coletivo tem que vencer sempre. Querer protagonismo é ótimo, mas coletivo é o que vale - afirmou o camisa 9, exaltando os dois pênaltis convertidos na Vila Belmiro.
 
- Se tem uma coisa que aprendi na carreira, é entender seus momentos. Ano passado tive infelicidades nas cobranças de pênaltis, entendi que era hora de passar a oportunidade a outros companheiros, esperei o momento certo para voltar. Confiança não faltou - completou o jogador.

O próximo adversário do Santos na Copa do Brasil será conhecido na próxima terça-feira, em sorteio realizado na sede da CBF, no Rio de Janeiro (RJ).