Dorival Júnior - Santos

Dorival Júnior gostou do que viu na goleada de 4 a 1 sobre o Mogi Mirim (Foto: Ivan Storti / Santos FC)

LANCE!
25/02/2016
22:54
Santos (SP)

Ricardo Oliveira? Que nada! Por 90 minutos o técnico do Santos, Dorival Júnior, pensou apenas em Joel e Serginho, suas principais novidades na escalação contra o Mogi Mirim. Resultado: 4 a 1 para o Peixe, dois gols de Joel e uma boa atuação de Serginho.

O segundo gol, inclusive, foi uma tabela entre os dois e uma finalização do camaronês. Para o treinador, a troca de passes e as jogadas foram a boa notícia da noite no Pacaembu.

- O que me deixa feliz é que a maioria dos gols não são achados, são em jogadas de bolas aéreas, são jogadas trabalhadas, com trocas de passes. Esse é
o caminho. E o Santos fez a maioria dos gols, desde o ano passado, justamente dessa maneira. Isso é um ponto específico que vem sendo muito batido e trabalhado entre nós exaustivamente. Encontramos um caminho que facilitou nossa trajetória - afirmou após a partida.


Convencido de que o empate em 0 a 0 com o Palmeiras na semana passada, fora de casa foi a melhor partida da equipe santista no ano, ele respondeu à mesma pergunta nesta quinta.

- A equipe vem melhorando, crescendo. Hoje (quinta) voltamos a fazer um jogo dentro das nossas características, com trocas de passes, movimentações. Principalmente na frente da área adversária. O primeiro tempo caracterizou bem essa condição. No segundo caímos um pouco. Precisamos ter uma atuação mais igual ao longo dos 90 minutos, mas já foi uma partida bem diferente daquilo que vinha acontecendo até então - concluiu.

Com 12 pontos, o Santos lidera o grupo A do Campeonato Paulista. O Peixe volta a treinar na sexta-feira a tarde e enfrenta o Red Bull, no domingo, às 19h30, no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos.