Bruno Cassucci e Russel Dias
29/06/2016
11:55
Santos (SP)

Assim como na Olimpíada de 2012, em Londres, o Santos é o clube que mais formou jogadores que vão servir a Seleção Brasileira, desta vez para a Olimpíada do Rio de Janeiro. Dos 18 convocados pelo técnico Rogério Micale, cinco são formados nas categorias de base do Peixe, são eles: Neymar, Felipe Anderson, Zeca, Thiago Maia e Gabigol.


Destes, os últimos três ainda atuam na Vila Belmiro. Já Neymar e Felipe Anderson, de Barcelona (ESP)  e Lazio (ITA), respectivamente, foram vendidos em 2013.

Há quatro anos, Neymar já estava na lista da Seleção olímpica. Os outros santistas eram: Rafael, Ganso, Alex Sandro e Danilo.

Dos três santistas chamados por Micale, todos são titulares absolutos do time de Dorival Júnior. O lateral-esquerdo Zeca (21 anos), inclusive, passou a ser titular quando o treinador assumiu o Alvinegro, em julho do ano passado.

Thiago Maia , de 19 anos, havia conquistado o posto pouco antes, ainda com Marcelo Fernandes no comando. Já Gabigol, 19 anos, frequenta o time principal desde 2013, mas foi em 2014 que ele assumiu a titularidade. 

O Internacional é o segundo clube que mais formou atletas para a Seleção Brasileira olímpica, também repetindo 2012. Desta vez, o lateral-direito Willian, o volante Fred, atualmente no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, e o também volante Rodrigo Dourado foram chamados. 

Em Londres, os colorados eram Leandro Damião, Sandro, Alexandre Pato e o zagueiro Juan. O meia Oscar, formado no São Paulo, mas que atuava pelo Inter, integrou os convocados.

Confira a lista de convocados para a Olimpíada de 2016.