HOME - Rosario Central x Palmeiras - Copa Libertadores - Herrera e Thiago Martins (Foto: Stringer/AFP)

Herrera e Thiago Martins disputam a bola no jogo desta quarta-feira, na Argentina (Foto: Stringer/AFP)

LANCE!
07/04/2016
01:21
São Paulo (SP)

Após o empate na Argentina, o Palmeiras depende de uma combinação de resultados para se classificar às oitavas de final da Libertadores. Além de vencer o River Plate (URU) no Allianz Parque, quinta que vem, o Verdão terá de torcer por resultados diferentes dependendo do duelo entre Nacional e River, nesta quinta-feira. Entenda abaixo quais os placares necessários para que o time de Cuca passe de fase:

CASO O NACIONAL NÃO SEJA DERROTADO PELO RIVER:

PALMEIRAS (3º colocado, 5 pontos): Tem de vencer seu jogo, em casa, contra o River, e por um placar maior do que 1 a 0 para descontar saldo - se o Nacional fizer 3 a 0 no Rosario, a vitória mínima serve. Hoje, o Verdão tem saldo 0, enquanto o Rosario, segundo colocado com oito pontos, tem 3. 

ROSARIO (2º colocado, 8 pontos): Precisa ser derrotado pelo Nacional no Uruguai. Se perder por 1 a 0, Verdão precisa ganhar por, pelo menos, 3 a 0 do River Plate (URU). Caso Palmeiras e Rosario terminem com número de pontos e saldo igual, o Verdão precisa ter vantagem no número de gols marcados.

NACIONAL (1º colocado, 8 pontos): Caso não seja derrotado nesta quinta pelo River, o Nacional vai para a última rodada classificado. Para o Palmeiras, neste cenário, apenas a vitória dos uruguaios na última rodada serve.

RIVER PLATE (4º colocado, 3 pontos): Se o time uruguaio não vencer o Nacional, entra na última rodada para enfrentar o Palmeiras já eliminado.

CASO O NACIONAL SEJA DERROTADO PELO RIVER:

PALMEIRAS (3º colocado, 5 pontos): Precisa vencer o River Plate (URU) no Allianz Parque e tirar diferença no saldo de gols. Neste caso, tanto Nacional quanto Rosario teriam oito pontos antes da última rodada. Caso o Nacional seja derrotado nesta quinta por um gol de diferença, terá saldo de 1, contra 3 do Rosario (ambos com oito pontos) e zero do Palmeiras. Um empate entre Nacional e Rosario não serve para o time de Cuca.

ROSARIO (1º colocado, 8 pontos): O time neste caso inicia a última rodada da chave como líder pelo saldo de gols. Se for derrotado, é o mesmo caso anterior: o Palmeiras precisa descontar os três gols de desvantagem no saldo.

NACIONAL (2º colocado, 8 pontos): Caso o time uruguaio seja derrotado pelo Rosario, a distância no saldo de gols é menor para o Palmeiras: hoje o Nacional tem 1, contra zero do Verdão, apenas. Se a disputa terminar nos gols pró, os brasileiros também levam vantagem: são oito contra quatro atualmente.

RIVER PLATE (4º colocado, 5 pontos): Rival do Palmeiras na última rodada, precisa, obviamente ser derrotado no Allianz Parque para manter o Verdão vivo no grupo da Libertadores.