LANCE!
24/05/2016
18:11
São Paulo (SP)

Cuca optou pelo mistério, mas Dudu deve ser uma das novidades do Palmeiras contra o Fluminense, às 21h45 desta quarta-feira, no Allianz Parque, pela terceira rodada do Brasileirão. Se for confirmado entre os titulares, o camisa 7 iniciará uma partida pela primeira vez desde que lesionou a coxa direita, em 24 de março. Para ele, chegou a hora de mostrar seu potencial para Cuca.

- Eu tenho que mostrar para o Cuca, ele chegou agora, não sabe ainda ao certo os jogadores que tem, é pouco tempo de trabalho. Então eu tenho que mostrar no dia a dia. Todos que me conhecem sabem que tenho capacidade para ser titular, mas se eu não for, vou respeitar o Cuca e os companheiros. Quando entrar, fazer o que fiz contra o Corinthians e ajudar o Palmeiras - disse.

Dudu sofreu um estiramento na coxa direita logo no início da partida contra o Red Bull, pelo Campeonato Paulista. Na ocasião, ficou chateado por ser substituído e bateu de frente com Cuca ao dizer que tinha condições de continuar em campo. No dia seguinte, porém, foi constatada a gravidade do problema.

Mesmo sem a devida recuperação, o atacante foi utilizado no segundo tempo do clássico contra o Corinthians (marcou o gol da vitória por 1 a 0) e também entrou na vitória por 2 a 0 sobre o São Bernardo, pelas quartas do Estadual. Como o sacrifício retardava o tratamento, os profissionais do clube decidiram tirá-lo de ação até que estivesse 100%. No sábado, já sem dor, voltou a entrar na etapa final, contra a Ponte Preta.

- Foi muito ruim, briguei muito com os médicos para voltar e eles me segurando, com razão. Nas vezes que voltei antes da hora eu machuquei de novo. Contra o Corinthians eu não deveria ter voltado, mas pedi para voltar e aconteceu de novo. Agora é pensar para a frente, esquecer os dias que fiquei parado - disse ele, que deve tomar a vaga de Alecsandro e formar um ataque bem veloz com Gabriel Jesus e Róger Guedes.

- A equipe ganha em velocidade, em agilidade. Acho que perde um pouco no poder de finalização, porque a gente não vai ter o centroavante, se for essa equipe. Mas eu, o Gabi (Gabriel Jesus) e o Guedes temos totais condições de fazer um grande jogo amanhã - completou Dudu.