Carolina x Seattle

Cam Newton vibra muito . O quarterback comandou o Carolina  Panthers em mais uma vitória e seu time está na final da NFC contra o Arizona Cardinals (Foto: GRANT HALVERSON/AFP)

RADAR/LANCE
17/01/2016
19:26
Charlotte (EUA)

Melhor time da temporada regular da NFL, o Carolina Panthers confirmou o seu favoritismo, venceu o Seattle Seahwks em casa, na fria Chartlotte, por 31 a 24, e está na final da NFC contra o Arizona Cardinals.  

O jogo começou dando a impressão de que o Panthers venceria com extrema facilidade, pois abriu 14 a 0 nos primeiros quatro minutos e fechou a etapa inicial com uma vantagem de 31 a 0. Porém, o Seattle teve uma excelente reação no segundo tempo e deu uma encostada no placar, mas não conseguiu chegar na sua terceira final seguida. 

A final da NFC ocorrerá na casa do Panthers. Quem sagrar-se campeão irá para o Super Bowl 50, quando enfrentará o campeão da AFC, que será o New England Patriots ou o vencedor da partida entre Denver Broncos e Pittsburgh Steelers, que se enfrentarão na noite deste domingo.

O quarteback do Carolina Panthers Cam Newton, fechou com 16 passes certos em 22, 161 jardas, 1 TD e nenhuma interceptação. O jogador ainda deu oito corridas e ganhou dez jardas. O running back Jonathan Stewart foi brilhante, conseguindo 106 jardas em 19 corridas e fazendo 2 Tds. Tornou-se o primeiro corredor a passar das 100 jardas contra o Seattle nesta temporada. Por fim, o wide receiver Gregg Olsen fechou com 77 jardas e 1 TD.


No Seattle, a surpresa foi a confirmação de Marshall Lynch em campo. O melhor running back da NFL, que estava machucado e perdeu a metade da temporada, teve a escalação confirmada minutos antes do início da partida e encheu de esperança a torcida. Mas "A Besta" foi bem apagada. Seis corridas para apenas 20 jardas. Quem mandou bem no Seattle foi o wide receiver Jermaine Kearse, com 10 jardas e 2 TDs. O melhor foi o quarterback Russell Wilson. Depois de um primeiro tempo ruim, quando foi interceptado duas vezes, ele cresceu na etapa final e encerrou com 31 passes certos em 48, 366 jardas e 3 passes para TD. Também correu 32 jardas.

Primeiro tempo todo do Panthers

A partida já começou de forma  sensacional e  com o Carolina Panthers mostrando que não teve a melhor campanha da temporada regular da NFL (15 vitórias e 1 derrota) por sorte. O primeiro lance teve uma corrida de 59 jardas do running back Jonathan Stewart. No segundo lance, o outro running back do time, Artis Payne perdeu a bola e, por milagre, ela foi recuperada pelo próprio Panthers, através do melhor full back da NFL, o trator Mike Tollbart. Mais uma corrida de 4 jardas de Cam Newton, e nova corrida de 4 jardas para o touchdown. Em 2m30', sem nenhum passe e apenas na corrida terrestre contra um time que não deixara nenhum RB fazer mais de 100 jardas há 25 partidas, o Carolina Panthers abria 7 a 0.

O time da casa não parou nisso. O primeiro ataque do Seattle foi para Marshall Lynch, empurrado três jardas para trás. Na segunda jogada, o quarteback Russell Wilson fez um lançamento que foi interceptado pelo lineback Luke Kuechly que correu 14 jardas e marcou o TD. Em pouco mais de três minutos, o Panthers chegava a 14 a 0 e fazia a torcida em Charlotte explodir.

Carolina x Seattle
Cam Newton se prepara para fazer um lançamento para o Seattle Seahawks  (Foto: GRANT HALVERSON/AFP)

Os jogadores do Seattle reclamavam muito do estado do péssimo gramado do Bank Of America Arena (escorregavam a cada lance, no chute de kickoff a bola escapou e vários trocaram de chuteiras), mas a verdade é que o Carolina faziam um jogo perfeito. O Seahawks entregava a bola e o time da casa sempre chegava na linha de pontos. O terceiro ataque - que só foi terminar nos primeiros segundos do segundo quarto - foi um primor. O time partir de sua jarda 14 e chegou ao terceiro TD, com Cam Newton combinando lançamentos (4 passes certos em 5 tentados) e pequenas corridas. O golpe de misericórdia veio em dois tempos: Jonathan Stewart superou tackles e correu seis jardas para ficar quase em cima da linha. O próprio Stewart recebeu e voou por cima da linha de marcação para fazer 21 a 0.

Naquele momento os números na corrida terrestre: Seattle: 3 jardas; Carolina: 100 jardas. Poderia piorar para o Seahawks? Sim: na primeira jogada do time no segundo quarto, Cam Newton mais uma vez foi interceptado, desta vez pelo Defensive Back Cortland Finnegan já na red zone de ataque. Um massacre. Ao menos neste ataque a defesa do Seattle fez bom trabalho e jogada terminou apenas com um field goal para o time da casa.

Após receber a bola em punt, o Carolina foi para a sua nova campanha já no meio de campo. O resultado foi novo touchdown, desta vez numa passe de 19 jardas de Cam Newton para seu tight end Greg Olsen.  Metade do segundo quarto e 31 a 0.

Só aí o Seattle conseguiu alguma coisa. Fez a primeira campanha na qual passou do meio de campo. Russell Wilson conseguiu bom avanço e chegou na red zone (20 jardas). Já dava para um field goal. Mas o time precisava do touchdown para entrar no jogo e o Seattle, numa quarta descida para cinco, arriscou o avanço. Foi bloqueado, teve de devolver a bola para o Panthers.
Depois, num ataque com segundos finais, o Seattle tentou um field goal de 55 jardas que foi para fora. E foi para o intervalo com zero no placar.

Segundo tempo do Seattle Seahawks

O segundo tempo começou bem diferente para o Seattle. O primeiro ataque foi do time visitante e, após ótima corrida de kickoff de Tyler Lockett, o time iniciou em seu ataque e, com campanha-relâmpago de pouco mais de um minuto, Russell Wilson avançou seu time e deu um passe de 13 jardas para Kearse fazer os primeiros pontos do Seahawks.

Com o Panthers devolvendo a bola em punt, o Seattle teve o segundo ataque e conseguiu mais um touchdown com Tyler Loccket encaixando na end zone um passe de 33 jardas de Wilson: 31 a 14.

A partir daí o jogo ficou claro. O Carolina iria tentar gastar o tempo e trabalhar por terra. Já o Seattle não mediria esforços e jogadas inusitadas para avançar. Maior exemplo disso foi uma quarta jogada na sua linha de defesa. Foi feita a tradicional formação de chute, mas a bola foi não para o punter e sim para um corredor, DeShawn Shead, que conseguiu o first down.

O prêmio, entretanto só veio para o Seattle no último quarto, quando restavam seis minutos para o fim da partida. Numa ótima campanha, o Seattle avançou até perto do gol e Russell Wilson achou Kearse num passe de 3 jardas sob forte marcação, colocando o placar em 31 a 21.

Restando um minuto, o Seattle avançou até a linha de field goal e  Steven Hauschka acertou o chute, fazendo 31 a 24. Restava ao Seattle tentar recuperar a bola num onside kick. Porém, quem pegou foi a defesa do Carolina Panthers. Fim de jogo.