Andrei Rybakou, prata em Pequim no levantamento de peso.

Andrei Rybakou, prata na categoria até 85kg do levantamento de peso, perderá sua medalha (Foto: AFP)

LANCE!
26/10/2016
15:55
Rio de Janeiro (RJ)

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou nesta quarta-feira a anulação de mais nove resultados de atletas que competiram nos Jogos de Pequim, em 2008, por doping, após uma série de reanálises de amostras de eventos passados em meio aos escândalos recentes no mundo. Seis haviam conquistado medalhas e terão de devolver as conquistas.

Os medalhistas flagrados foram o bielorrusso Andrei Rybakou, prata na categoria até 85kg do levantamento de peso, a bielorrussa Nastassia Novikava, bronze na até 53kg, a ucraniana Olha Korobka, prata na  até 75kg, a russa Ekaterina Volkova, bronze nos 3.000m com obstáculos do atletismo, o uzbeque Soslan Tigiev, prata na até 74kg da luta livre, e cazaque Taimuraz Tigiyev, prata na até 96kg da luta livre.

Sardar Hasanov, do Azerbaijão, que não chegou a completar a prova da categoria até 62kg do levantamento de peso, o cubano Wilfredo Martínez, quinto colocado no salto triplo, e a espanhola Josephine Nnkiruka Onyia, que ficou em nono nos 100m com barreiras, completaram a lista de punidos.

Seis deles utilizaram o esteroide turinabol: Rybakou, Soslan, Taimuraz, Volkova, Novikava e Korobka.