Conor McGregor

Campeão dos penas, Conor McGregor não se conforma de estar de fora do UFC 200 - (Foto: Erik Engelhart)

LANCE!
02/05/2016
16:16
Rio de Janeiro (RJ)

Atual campeão dos penas do UFC, Conor McGregor resolver acionar sua metralhadora verbal demonstrando toda sua insatisfação por ficar de fora da luta contra Nate Diaz, que aconteceria na edição de número 200, em 9 de julho, nos EUA.

O irlandês, que foi retirado do card por se recusar a cumprir com suas obrigações para divulgar o evento, respondeu a diversas perguntas feitas por fãs, através do seu Twitter pessoal. Entre várias pérolas, Conor McGregor tentou justificar a derrota para Nate Diaz afirmando que estava comendo demais.

- Eu estava comendo quatro cafés da manhã e sobremesa no dia da pesagem. Você vai ver, vocês todos vão ver - escreveu.

Quando perguntado se o UFC 200 venderia em torno de 1,5 milhão pacotes de pay per view, marca atingida pela última luta do irlandês segundo estimativas da imprensa americana e do UFC, o irlandês respondeu.

- Acho que não. Eu tinha o recorde de May/Pac na mira, pronto para colocar o MMA no topo indiscutível. Mas não era para ser. #Imprensa – disse McGregor, garantindo que havia superado o recorde do UFC 100, que vendeu 1,6 milhões de pacotes em 2009.

- Eu bati o UFC 100 por 400 mil pacotes. O que, por si só, foi 100 mil vendas a mais que o UFC 197 no total. #TiroMortal – polemizou o campeão.

Após a retirada de McGregor do card, o Ultimate escalou a revanche entre Jon Jones e Cormier como luta principal do card do UFC 200.