LANCE!
13/10/2017
13:00
São Paulo (SP)

Com música, gincana e muito esporte, as Arenas Cariocas 1 e 2 reuniram cerca de mil crianças, entre 5 e 12 anos, que participaram nesta quinta-feira (12) do Dia das Crianças Olímpico, realizado no Parque da Barra da Tijuca. Participaram do evento crianças que integram por projetos sociais apoiados por programas da secretaria de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social ((SNELIS) do Ministério do Esporte.

Durante o evento, elas participaram clínicas de judô, jiu-jitsu, defesa pessoal, taekwondo, MMA, futevôlei, vôlei, basquete 3x3 e street soccer. Além disso, puderam ver de perto vários ídolos do esporte brasileiro, como o lutador de MMA, Rodrigo Minotauro; o ex-atacante de futebol Jairzinho, o Furacão da Copa de 1970; Ágatha, Talita e Taiana, do vôlei de praia; Isabel Clark, atleta do snownboard (esporte olímpico de neve), Júlio Almeida (tiro esportivo), ex-jogador de futebol Jairzinho, Marivana Nogueira (atletismo paralímpico), Michel Passanha (remo paralímpico) e Wallace dos Santos (atletismo paralímpico).

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, discursou na abertura do evento, destacando a alegria em poder oferecer aos jovens a oportunidade de aproveitar o grande legado olímpico para o povo do Rio de Janeiro.

- O legado olímpico pertence aos brasileiros. A gente quer que cada vez mais as pessoas se acostumem a vivenciar o dia-a-dia no Parque Olímpico. Nada melhor para marcar isso do que abrir as arenas no Dia das Crianças com os jovens se divertindo e se aproximando ainda mais dos valores transmitidos pelos esportes - disse Piccinani.

Rodrigo Minotauro também destacou a alegria de mais uma vez participar de um evento aberto ao público no Parque Olímpico da Barra da Tijuca.

- É um prazer estar aqui. A Arena Olímpica é um lugar das crianças e do povo do Rio de Janeiro. Penso que a estrutura é para ser usada pela população. Esse é o meu terceiro evento aqui que envolve crianças e projetos sociais no Parque Olímpico. Estou muito feliz em poder contribuir - afirmou Minotauro. Ele fez parte da campanha promovida pelos esportistas que arrecadou 1.500 brinquedos que foram distribuídos no evento.

Ágatha, do vôlei de praia, lembrou que a presença dos atletas olímpicos reforçou o lado esportivo da comemoração.

- É muito especial poder viver esse momento no Parque Olímpico. Eu, como atleta, considero essa troca maravilhosa. Saber que o Ministério do Esporte está proporcionando um dia mais do que especial, no dia delas, é show de bola. A gente faz parte disso. Hoje tenho uma oportunidade de estar aqui com elas, brincar um pouco, dar aquele abraço e autógrafos. São momentos únicos, pois dificilmente essas crianças teriam essa oportunidade de um contato mais próximo com a gente - afirmou.

O Dia das Crianças Olímpico foi promovido pelo Ministério do Esporte e pela AGLO (Autoridade de Governança do Legado Olímpico), com a participação do Viva Vôlei (programa de iniciação esportiva da Confederação Brasileira de Vôlei), da Confederação Brasileira de Basketball, do Instituto Irmãos Nogueira, da Usina de Campeões, do Team Marreta, do Team Águia e da Associação David Taekwondo (ADT).