Velório do jogador Caio Jr. - Chapecoense - Jô

Jô aproveitou os dois dias de folga do elenco do Corinthians (Foto: Geraldo Bubniak/AGB)

RADAR/LANCE! Curitiba (PR)
04/12/2016
18:47

O atacante Jô aproveitou os dois dias de folga do elenco do Corinthians para prestar a última homenagem ao técnico Caio Júnior, uma das vítimas da tragédia com o avião da Chapecoense na Colômbia, e que foi seu comandante no Al Shabab, dos Emirados Árabes, na última temporada.

Neste domingo, o jogador foi à missa de corpo presente e ao velório na Igreja dos Passarinhos, em Curitiba, com uma camiseta estampada com o rosto do treinador e a frase “Obrigado, professor”.

– Ele foi um professor, uma pessoa que fora de campo sempre conversava comigo. Depois da semifinal mandei uma mensagem para ele parabenizando pelo trabalho e ele me disse que estava feliz por mim, pela minha
mudança. Trabalhei com diversos treinadores, mas o Caio marcou pelo
que fez na minha vida pessoal – disse o atacante do Corinthians .