Apresentação Independiente Medellín e Santa Cruz Copa Sul-Americana

Santa Cruz fará o jogo de ida na Colômbia (Foto: Antônio Melcop / Santa Cruz)

RADAR/LANCE!
20/09/2016
20:51
Medellín (COL) 

O Santa Cruz vai até a Colômbia na noite desta quarta-feira, para encarar o Independiente Medellín em sua primeira partida internacional, às 21h45, no Estádio Atanasio Girardot. Partida será válida pelo confronto de ida entre as duas equipes na fase de oitavas de final da Copa Sul-Americana. Santinha eliminou o rival Sport na fase nacional da competição.

Para o duelo contra os colombianos, o treinador Doriva afirmou que irá poupar alguns de seus titulares no jogo fora de casa. Comandante deixou bem claro que principal objetivo na temporada é a permanência na Série A. Clube coral está na penúltima colocação, com 23 pontos somados.

- Já fizemos um planejamento. Vamos jogar (contra o Independiente) com uma equipe forte, porém, alguns atletas que vêm tendo desgaste contínuo vão ter descanso. Queremos recuperá-los para o nosso próximo jogo do Brasileiro. O Figueirense, atual 17° colocado na tabela, é um adversário direto na luta contra o rebaixamento.

Destaques do Santa nesta temporada, João Paulo, Keno e Leonardo Moura são desfalques certos para o jogo de ida contra o Independiente. Clube divulgou nota oficial em seu site, afirmando que objetivo é deixar atletas prontos para final de semana e jogo de volta, querendo evitar lesões também.


Os colombianos são os atuais campeões da Liga Nacional e chegaram às oitavas após eliminarem o Sportivo Luqueño, do Paraguai. Um dos destaques do Independiente é conhecido do futebol brasileiro. O meia Molina, que já passou pelo Santos, hoje defende as cores do time de Medellín. São esperados pelo menos 12 mil torcedores do time da casa nesta quarta-feira.

O artilheiro da equipe na temporada não estará em campo, já que na partida contra o Luqueño, o atacante Leonardo Castro machucou o joelho direito. O treinador Leonel Álvarez deve mandar a equipe com um esquema 4-3-2-1, com os seguintes jogadores: González; Piedrahita (Andrés Mosquera), Juan Saiz, Jorge Arias (Hernan Pertúz) e Macias (Jorge Arias); Cabezas, Moreno, Hechalar e Molina; Fabio Burbano e Caicedo (Mena).