icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/08/2015
15:25

Pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, o Internacional recebe nesta quinta-feira o Ituano, às 19h, no Estádio Beira-Rio. O Colorado terá a volta de D'Alessandro, ausência nos últimos três jogos da equipe, além da estreia do técnico Argel Fucks diante da torcida gaúcha. O treinador, que indicou a escalação de uma formação ofensiva, quer comprometimento total dos jogadores no torneio mata-mata.

- A Copa do Brasil é o caminho mais curto para a Libertadores. Só por isso temos que estar motivado. Será um jogo duro, tem que ser sério, e ir em busca do nosso objetivo. Passar de fase, ganhar o título, chegar à Libertadores novamente - disse Argel Fucks.

Essa será a segunda partida de Argel Fucks no comando do Internacional. Em relação ao time que empatou com o Cruzeiro em 0 a 0, no último domingo, o treinador só deve fazer uma mudança: D'Alessandro no lugar de Nico Freitas. Assim, o Colorado deve entrar em campo com a seguinte formação: Alisson; William, Ernando, Paulão e Geferson; Rodrigo Dourado, Nilton, D'Alessandro e Eduardo Sasha; Valdívia e Vitinho.

Ainda conhecendo todos seus jogadores e as alternativas que o elenco do Internacional lhe oferece, Argel Fucks comentou as possíveis formações que pode escalar o Colorado na sequência do ano.

- Temos três esquemas. Podemos jogar no 4-4-2 com quadrado, podemos jogar no 4-4-2 com o losango, e aí insere os três volantes, e pode jogar no 4-2-3-1. Nunca começamos assim (no 4-2-3-1), mas durante uma emergência, precisando ser mais ofensivo, podemos usar. São esses três sistemas - afirmou Argel, antes de completar:

- Não vou falar nunca, porque o nunca às vezes acontece, mas dificilmente vão ver o Inter no 3-5-2, 3-6-1, com um só atacante. No 4-4-2, pode ser também com dois atacantes de movimentação, ou podemos jogar com um jogador de referência, que pode ser Rafa Moura ou Lisandro. É o simples. 

Pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, o Internacional recebe nesta quinta-feira o Ituano, às 19h, no Estádio Beira-Rio. O Colorado terá a volta de D'Alessandro, ausência nos últimos três jogos da equipe, além da estreia do técnico Argel Fucks diante da torcida gaúcha. O treinador, que indicou a escalação de uma formação ofensiva, quer comprometimento total dos jogadores no torneio mata-mata.

- A Copa do Brasil é o caminho mais curto para a Libertadores. Só por isso temos que estar motivado. Será um jogo duro, tem que ser sério, e ir em busca do nosso objetivo. Passar de fase, ganhar o título, chegar à Libertadores novamente - disse Argel Fucks.

Essa será a segunda partida de Argel Fucks no comando do Internacional. Em relação ao time que empatou com o Cruzeiro em 0 a 0, no último domingo, o treinador só deve fazer uma mudança: D'Alessandro no lugar de Nico Freitas. Assim, o Colorado deve entrar em campo com a seguinte formação: Alisson; William, Ernando, Paulão e Geferson; Rodrigo Dourado, Nilton, D'Alessandro e Eduardo Sasha; Valdívia e Vitinho.

Ainda conhecendo todos seus jogadores e as alternativas que o elenco do Internacional lhe oferece, Argel Fucks comentou as possíveis formações que pode escalar o Colorado na sequência do ano.

- Temos três esquemas. Podemos jogar no 4-4-2 com quadrado, podemos jogar no 4-4-2 com o losango, e aí insere os três volantes, e pode jogar no 4-2-3-1. Nunca começamos assim (no 4-2-3-1), mas durante uma emergência, precisando ser mais ofensivo, podemos usar. São esses três sistemas - afirmou Argel, antes de completar:

- Não vou falar nunca, porque o nunca às vezes acontece, mas dificilmente vão ver o Inter no 3-5-2, 3-6-1, com um só atacante. No 4-4-2, pode ser também com dois atacantes de movimentação, ou podemos jogar com um jogador de referência, que pode ser Rafa Moura ou Lisandro. É o simples.