São Lourenzo x Chapecoense

San Lorenzo e Chapecoense ficaram no empate por 1 a 1 (Foto: Eitan Abramovich/AFP)

RADAR/LANCE!
02/11/2016
23:38
Buenos Aires (ARG)

A Chapecoense conseguiu um resultado muito importante na caminhada para chega até a decisão da Copa Sul-Americana 2016. Na noite desta quarta-feira, o Verdão foi até o Estádio Nuevo Gasómetro e arrancou um empate por 1 a 1 e agora decide na Arena Condá, com o apoio do seu torcedor. Cauteruccio fez para os donos da casa, enquanto Ananias deixou tudo igual.

Equipes decidem vaga na final no dia 23 de novembro, desta vez na Arena Condá. Para chegar à decisão, a Chapecoense joga por um empate sem gols. Quem vencer está classificado, novo empate em 1 a 1 leva a decisão para os pênaltis e resultado de igualdade por dois ou mais gols favorece os argentinos.

O JOGO

A partida começou com as duas equipes se estudando bastante e brigando pela posse de bola. A primeira boa chegada foi da Chape, com Ananias soltando uma bomba após jogada individual, que passou raspando. Os donos da casa responderam com Corujo, mas Danilo fez bela defesa para evitar o gol. Aos 27, a Chape por pouco não balançou as redes com Neto de cabeça, obrigando Torrico a pratica grande defesa. No lance seguinte, Cauteruccio cobrou falta com perigo, a bola passou por todo mundo e morreu dentro do gol. Levando o San Lorenzo para o vestiário com a vantagem no placar.


Mesmo vencendo, o San Lorenzo voltou para a etapa final pressionando o time brasileiro e Cauteruccio quase fez o segundo na partida. Quando os argentinos tomavam conta da partida, Ananias conseguiu um gol muito importante para a Chapecoense, deixando tudo igual. Atacante aproveitou escorregão do zagueiro e pegou bem de esquerda para balançar as redes. O time do Papa Francisco tentava iniciar uma pressão e Danilo evitou o segundo gol após bela cabeçada de Blandi.

Por pouco a virada da Chapecoense não veio com Bruno Rangel. O atacante saiu cara a cara com Torrico, mas na hora de finalizar parou nas mãos do goleiro argentino. Jogo era mais aberto no segundo tempo e os donos da casa seguiam em busca de mais um gol. Cauteruccio tentou de voleio e por pouco não guardou. Antes do apito final, Blandi ainda teve uma grande chance, porém exagerou na força e mandou por cima da meta de Danilo.

FICHA TÉCNICA
SAN LORENZO 1 x 1 CHAPECOENSE


Data e hora: 02/11/16, às 21h45 (de Brasília)
Local: Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires (ARG)
Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
Assistentes: Carlos Atroza (CHI) e Jose Retamal (CHI)
Cartões amarelos: Cauteruccio (SLO); Neto, Matheus Biteco e Sérgio Manoel (CHA)
Cartão vermelho: Não houve.
Gols: Cauteruccio, 29'/1ºT (1-0); Ananias, 16'/2ºT (1-1)

SAN LORENZO: Torrico; Angeleri, Coloccini, Caruzzo (Cerutti, 21'/2ºT) e Mas; Mussis, Corujo, Ortigoza, Blanco e Cauteruccio (Gonzalo Bergessio, 35'/2ºT); Blandi. TEC: Diego Aguirre.

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez (Josimar, 13'/2ºT), Neto, Thiego e Dener; Matheus Biteco (Sérgio Manoel, 22'/2ºT), Gil, e Cleber Santana; Ananias (Lucas Gomes, 36'/2ºT), Bruno Rangel e Tiaguinho. TEC: Caio Júnior.