Cristiano Ronaldo (Foto: AFP)

Cristiano Ronaldo vai denunciar uma empresa de consultoria (Foto: AFP)

RADAR/LANCE!
15/03/2016
16:30
Rio de Janeiro (RJ)

Principal astro do Real Madrid, Cristiano Ronaldo processará a consultora Proto Group por noticiar que o português estaria envolvido em aquisição de uma favela na Zona Norte do Rio de Janeiro e outros empreendimentos - como a compra de um hotel em Monaco e um apartamento em Nova Iorque, por exemplo.

Logo após as informações, que são da agência EFE e foram divulgadas nesta terça-feira, um porta-voz do Real fez questão de desmentir o polêmico caso envolvendo o maior artilheiro da história da Liga dos Campeões.

- As notícias sobre a vida pessoal e profissional de Cristiano Ronaldo devem partir unicamente das suas fontes oficiais e de meios de comunicação informados, pelo que a imprensa deve abster-se de difundir algo de "informações" cujo único fim é enganar a opinião pública em benefício próprio – frisou o porta-voz. 

A Proto Group, empresa chefiada pelo italiano Alessandro Proto e que pertence ao ramo financeiro, chegou a divulgar que o atleta português faria uma participação em um filme de Martin Scorsese. 

- O nome e a imagem de Cristiano vêm sendo utilizados faz tempo por um empresário, conhecido por inventar histórias e espalhar informações falsas sobre figuras e organizações públicas, que foi alegadamente condenado a três anos e 10 meses de prisão por um tribunal italiano de direito. As notícias sobre a vida pessoal e profissional de Cristiano Ronaldo devem partir unicamente de fontes oficiais e de meios de comunicações informados, por isso, a imprensa deve parar de fazer eco de informações com único objetivo é enganar a própria opinião pública em benefício próprio - apontou o comunicado.