LANCE!
09/09/2016
19:23
Glasgow (ESC)

Religião, conflitos, torcidas e muita paixão. Neste sábado (10), às 8h (de Brasília), o futebol voltará a ver uma de suas maiores rivalidades. Celtic e Rangers vão escrever mais um capítulo do "Old Firm", como o clássico é conhecido, no Celtic Park. Mesmo que já tenham se enfrentado pela Copa da Escócia nas últimas duas temporadas, o reencontro no campeonato nacional será marcante.

Após o duelo em 2012, se iniciou um longo período sem o grande duelo que move a Escócia. O motivo? Logo depois do final da temporada 2011/2012, o Rangers, com dívidas de mais de 100 milhões de libras, foi à falência e acabou comprado por um grupo de investidores. Mesmo com esse financiamento, o pedido para que se mantivessem na primeira divisão escocesa foi rejeitado por unanimidade e os Gers despencaram para a quarta divisão.

Então, o Celtic estabeleceu uma hegemonia na Premiership e foi campeão nacional em 2012, 2013, 2014 e 2015. O problema é que o clube estimava uma perda de £ 10 milhões por temporada sem o maior rival. Agora, com a possibilidade de duelarem novamente, o técnico Brendan Rodgers, que fará seu primeiro clássico, se mostrou empolgado.

- Foi um dos primeiros jogos que procurei. É mais um jogo, mas uma partida especial. Tem algo único em cada clássico, e esse é icônico em todo mundo. Acho que nada te prepara para sair de apenas assistir pela televisão e passar a realmente estar lá. A atmosfera será incrível - disse o treinador, contratado em maio. 

- Quando você é o Celtic e joga em casa, o favoritismo é esperado. Não vamos correr disso e dizer que não queremos ser os favoritos no jogo. Houve uma decepção na última vez que as equipes jogaram na copa, então essa será uma boa forma de ver qual o nível do time. Mas será um jogo duro - falou Rodgers. 

O último encontro entre as equipes marcou a 401ª edição do Old Firm, e decidiu quem ficaria com a vaga na final da Copa da Escócia. Depois de 1 a 1 no tempo normal, e mais um gol para cada lado na prorrogação, o Rangers levou a melhor. Houve também outro encontro, em fevereiro do ano passado, pela Copa da Liga Escocesa, vencido pelo Celtic por 2 a 0.

- Nós só temos que jogar o nosso jogo e estarmos preparados para enfrentar o Celtic. A situação, no que diz respeito ao fato do adversário ser favorito, continua a mesma, e está tudo bem em relação a isso. Só temos que manter nosso plano de jogo e manter consistência na preparação - disse Mark Warburton, treinador do Rangers. 

Ambos estão invictos, porém, separados por um ponto na tabela. Os Hoops são os líderes do campeonato, com nove pontos e um jogo a menos. Os Light Blues somam oito, conquistados em duas vitórias e dois empates.

- Temos que ser bravos, ir lá e jogar o futebol que sabemos e podemos jogar, movimentando a bola rapidamente, com movimentação dos atletas também, e aí no fim estaremos bem. Caso não formos bem e não conseguirmos um bom resultado, então teremos uma tarde ruim - finalizou o inglês.