Adam Johnson (Foto: AFP)

Adam Johnson estava no Sunderland (Foto: AFP)

LANCE!
11/02/2016
20:02
Sunderland (ING)

Depois de assumir que aliciou menores de idade e as abusou sexualmente, o atacante Adam Johnson acaba de perder emprego e patrocínio. O jogador, que vai a julgamente nesta sexta-feira, foi demitido pelo Sunderland, e não tem mais acordo com a Adidas.

O clube anunciou em um breve comunicado a sua decisão. Disse que após as informações de que o jogador tinha se declarado culpado, o Sunderland encerrou o contrato do jogador de forma imediata, e disse que não faria mais comentários. Antes disso, o técnico Sam Allardyce já tinha adiantado que Johnson não estaria disponível para o jogo do fim de semana contra o Manchester United pelo Campeonato Inglês.

A Adidas publicou uma nota bem semelhante. Disse apenas que estava encerrando o contrato imediatamente após o jogador ter admitido sua culpa.

O jogador tinha cinco acusações, mas admitiu duas. Em ambos os casos, admitiu ter aliciado jovens menores de 16 anos pela internet, e que chegou a beijá-las. Johnson vai a julgamento nesta sexta-feira em Bradford.