Cruzeiro 0x0 Chapecoense - Ábila perdendo pênalti

Ábila perdeu pênalti no empate sem gols com a Chapecoense (Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/Lancepress!)

LANCE!
08/11/2016
14:49
Belo Horizonte(MG)

A boa fase do Cruzeiro( em quinto no returno do Brasileirão, com 25 pontos) e que vem de duas vitórias e dois empates nos últimos cinco jogos só não é melhor para o atacante Ábila: o argentino, que chegou a peso de ouro, convive com má fase.

São apenas quatro gols nas últimas 15 partidas, além de um pênalti perdido no empate sem gols com a Chapecoense, na 31° rodada, e o fatídico gol contra o Fluminense, na última rodada.

Tal momento do camisa 50 da Raposa, no entanto, não assusta o treinador Mano Menezes, que mostrou-se confiante num breve reencontro com o caminho dos gols.  O comandante destacou que é necessário que Ábila entre em campo confiante no seu potencial. 

 -Tenho certeza de que o Ábila voltará a marcar nos próximos jogos, porque ele sabe fazer gol. Temos que ajustar essa questão da confiança, da boa cabeça, de ele entrar pensando em coisas boas. O futebol ajuda a gente quando pensamos em coisas boas- disse. 

Por fim, o técnico também comentou a razão por estar colocando o próprio atacante, reiteradamente, como opção no banco de reservas. William tem entrado em seu lugar. Mano destacou que o "Bigode Grosso" é um jogador que também pode atuar pelos lados do campo. 

 -O Willian é um jogador que entra e sai da área, que se junta ao meio-campo, vem atrás para brigar pela bola. Essa é a característica dele. Então pudemos jogar com dois jogadores de lado- completou.