Vitor Braga, ex-goleiro do Cruzeiro (Foto: Reprodução / You Tube)

Vitor Braga diz que Cruzeiro jamais 'compraria juiz' (Foto: Reprodução / You Tube)

RADAR / LANCE!
12/01/2016
16:49
Belo Horizonte (MG)

A polêmica causada pelo supervisor do Cruzeiro, Benecy Queiroz, ao falar sobre uma "tentativa de compra de juiz", causou surpresa a um dos mencionados na entrevista da Rede Minas. Em entrevista nesta terça-feira, à TV Alterosa, o ex-goleiro Vitor Braga, que defendeu a Raposa na década de 1970, apontou que há um erro nos fatos apontados pelo dirigente celeste:

- Foi com muita surpresa, e até com estupefação que ouvi esta declaração. Primeiramente, os fatos não batem, pois o treinador da época não era o Ênio Andrade. Além disto, esta não seria a postura de um time e de uma entidade que convivi e que aprendi a respeitar como é o Cruzeiro. 

Vitor Braga, que atualmente se dedica a uma galeria de arte, enaltece Benecy Queiroz, e crê que o supervisor celeste teve um "lapso" de memória:

-  Devo ter tomado este gol lá em Doha, no Qatar. O meu querido Benecy, que é um sujeito respeitado, competente, deve ter cometido um equívoco. Eu jamais trabalhei com o senhor Ênio (Andrade), o que lamento. Mas foram épocas diferentes, foi um lapso do Benecy.

Ênio Andrade, que morreu em 1997, comandou o Cruzeiro em 1989, 1990, no período entre 1991 e 1992, e nos anos de 1994 e 1995.