Fabio Masherejian, Elias, Renato Augusto, Andrés Sanchez e Tite falaram no CT (Foto: Lucas Faraldo)

Fábio Mahseredjian, Elias, Renato Augusto, Andrés Sanchez e Tite falaram no CT (Foto: Lucas Faraldo)

Lucas Faraldo
21/11/2015
13:20
São Paulo (SP)

Uma rodada após garantir o título do Campeonato Brasileiro, o Corinthians poupou os jogadores da tradicional concentração para o jogo deste domingo, às 17h, contra o São Paulo, em Itaquera. O time treinou na manhã deste sábado no CT Joaquim Grava e só se reapresentará para o Majestoso às 11h de domingo. Normalmente, os atletas se concentram no centro de treinamento com um dia de antecedência em relação às partidas.

– Não vai ter concentração. Vai ter responsabilidade deles (jogadores). Estabeleci esse vínculo – explicou Tite, em entrevista concedida no CT Joaquim Grava no início de tarde deste sábado.

– Todos nós estamos mobilizados para o jogo de amanhã, com toda a alegria do título, mas sabendo da responsabilidade do jogo de amanhã – completou.

Apesar de não haver a concentração, o clima no Timão é de seriedade para o clássico que marcará a entrega da taça, na Arena Corinthians. Elias e Renato Augusto concederam entrevista ao lado de Tite e enalteceram a importância da partida.

– O São Paulo precisa da vitória, mas nós precisamos fazer um grande jogo até para mostrar pra todo mundo que temos um grupo forte, como sempre dizemos. Vencer um clássico após um título será ainda melhor – afirmou Renato Augusto.

– É um clássico, queremos ganhar. Vamos com esse intuito de manter o padrão, o nível de atuação e merecer vencer – acrescentou Elias.

Com 77 pontos, o líder Corinthians não pode mais ser alcançado por nenhuma equipe. O São Paulo, por sua vez,  soma 56 pontos, ocupa a quarta posição e briga rodada a rodada por uma vaga na Libertadores de 2016.