Fluminense x Corinthians

Empate entre Fluminense e Corinthians deixou indefinida vaga nas quartas da Copa do Brasil (Foto: Paulo Sergio)

LANCE!
01/09/2016
01:29
Mesquita (RJ)

O goleiro Cássio deixou o gramado do estádio Giulite Coutinho, em Mesquita, insatisfeito com a arbitragem de Elmo Resende Cunha. De acordo com o camisa 12 do Corinthians, houve falta do zagueiro Gum nele após cobrança de escanteio de Gustavo Scarpa, em lance que o meia Marquinho aproveitou para marcar o gol do Fluminense no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Apesar do empate em 1 a 1 ter sido conquistado na etapa complementar e comemorado pelo Timão, o goleiro ficou na bronca.

- O Gum cai em cima de mim, senta em cima do meu corpo. Na minha opinião foi falta, mas o juiz não marcou e tomamos o gol. Depois fomos valentes e conseguimos um empate importante fora de casa. Mas continuo afirmando que foi falta, cada um tem sua maneira de opinar - disse Cássio, que ainda indicou um suposto "troco" em razão de lances de outras partidas.

- Em outros jogos, árbitros erraram em lances que não me expulsaram, não sei se é uma troca - sinalizou o goleiro do Corinthians, que se referiu aos lances das partidas contra o Figueirense (derrubou Dodô fora da área e recebeu só cartão amarelo no empate em 1 a 1) e Cruzeiro (derrubou Ábila dentro da área, mas a arbitragem ignorou em novo empate em 1 a 1).

No lance desta quarta-feira, Cássio saiu da meta para interceptar lançamento de Gustavo Scarpa, mas caiu após trombar com Gum e não conseguiu alcançar a finalização de Marquinho logo em seguida. Segundo o goleiro, o zagueiro do Fluminense sentou em cima dele e impediu a reação. Apesar das reclamações, o árbitro considerou o lance normal.