Jogadores de Chapecoense e Palmeiras perfilados antes do jogo de domingo (Foto: Cesar Greco)

Jogadores de Chapecoense e Palmeiras perfilados antes do jogo de domingo (Foto: Cesar Greco)

LANCE!
29/11/2016
17:10
São Paulo (SP)

O técnico Cuca disse nesta terça-feira que trocaria o título brasileiro que conquistou pelo Palmeiras pela vida das pessoas que estavam no avião da Chapecoense, acidentado na última madrugada a caminho de Medellín (COL). Entre jogadores, membros da comissão técnica e dirigentes da equipe catarinense, além de jornalistas e tripulantes, são 76 mortos.

- Se eu pudesse trocar o titulo do Palmeiras pela vida dos jogadores, comissão e diretoria da Chapecoense, eu trocaria fácil. Não tem mais graça ser campeão. Agora é rezar mesmo e pedir que Deus conforte a eles todos. O Caio Júnior, o (ex-jogador e comentarista) Mário Sérgio, o (repórter) Victorino Chermont, que era muito gente boa, o presidente Delfim (Peixoto, presidente da Federação Catarinense). Enfim, de todos que estavam viajando a trabalho - disse o técnico do Palmeiras, emocionado, à TV Bandeirantes.

O Verdão confirmou a conquista nacional no último domingo, justamente com uma vitória por 1 a 0 sobre a Chapecoense, no Allianz Parque.