LANCE!
30/11/2016
15:03

2017 era um ano promissor para alguns jogadores da Chapecoense, que morreram em um trágico acidente de avião na madrugada da última terça-feira. Ao todo, 19 atletas tiveram a vida interrompida.

Entre eles, o zagueiro William Thiego,que tinha 30 anos, estava com uma transição bem encaminhada com o Santos. Em contato com o LANCE!, o empresário do jogador, Luiz Taveira revelou que o camisa 27 estava feliz com o acordo. 

- Ele estava feliz da vida (com o acerto). Falava que estava feliz demais, eu iria encontrá-lo hoje (terça-feira, para acertar). Vem lágrimas nos olhos só de lembrar - comentou. 

Assim como Thiego, o meia Hyoran está acertado com o campeão brasileiro Palmeiras. Machucado, ele não viajou com a delegação. 

Já  o lateral-esquerdo Dener Assunção, que também foi vítima no acidente, chegou a ser especulado em grandes clubes como Botafogo e Flamengo. O rubro-negro carioca não pretende permanecer com Chiquinho, atual reserva na posição. No alvinegro, ele chegou a negociar no início da temporada, mas acabou preferindo permanecer no clube. 

Autor da defesa de quatro pênaltis contra o Junior Barranquilla, da Colômbia, o goleiro Danilo vivia o auge da carreira e era especulado em grandes times . Em 2014, inclusive, chegou a estar com um pé e meia no Cruzeiro, mas a negociação não avançou. O arqueiro também esteve perto, na mesma época, de fechar com o Corinthians. 

Um dos sobreviventes da queda foi o lateral-esquerdo Alan Ruschel, que tem 27 anos. Ele pertence ao Inter e está emprestado à Chapecoense até o final do Estadual de 2017. Se agradasse, quem sabe, poderia voltar ao time gaúcho.