Botafogo x Vitória

Jair Ventura terá uma semana antes do próximo jogo, contra a Chapecoense (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

LANCE!
03/10/2017
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Foi mais uma derrota em casa para um time que luta na parte de baixo na tabela (a primeira foi para o Avaí). Mais um revés decepcionante, nos últimos minutos (como já havia sido contra o São Paulo). Mas os pontos perdidos para o Vitória, no último domingo, não abalaram o Botafogo. Ao menos é o que garante o técnico Jair Ventura.

- As derrotas não têm peso emocional. Aqui não tem lástima. Quando nós perdemos, não achamos que somos o pior time do mundo. Não é uma derrota em casa que vai nos fazer acabar no Brasileiro - afirma o técnico Jair Ventura, tentando evitar o desânimo da torcida ou eventual cenário de terra arrasada.

O atacante Brenner, que marcou os dois do Glorioso numa partida de poucas chances criadas pela equipe, também não entende que algo precise ser alterado de forma drástica. Pede apenas que a equipe levante logo.

- É complicado falar nesses momentos difíceis de derrota. O Vitória estava em cima, fez gol de empate aos 44 e a virada aos 49, como contra o São Paulo.  É difícil falar para o torcedor. Temos que focar, ver os erros para que, contra a Chapecoense, não ocorram novamente e consigamos os três pontos - espera, em entrevista à Espn Brasil.

De fato, pela tabela do Campeonato Brasileiro, o time poderia ter ganho uma posição. Mas a distância que abriu para os times que não estão na zona de classificação à Copa Libertadores segue razoavelmente segura: sete pontos.