CT Vasco Barbosa

Filha de Barbosa recebeu placa do presidente Alexandre Campello (Reprodução/Vasco TV)

LANCE!
11/09/2020
18:50
Rio de Janeiro (RJ)

A tarde desta sexta-feira foi de festa no Vasco da Gama. O clube inaugurou o Centro de Treinamento, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio. O local manterá o nome de CT do Almirante usado nos espaços utilizados anteriormente. O presidente Alexandre Campello e outros dirigentes foram os condutores da cerimônia transmitida ao vivo na Tv oficial do clube, com uma série de homenagens a ídolos do passado. A principal foi feita ao ex-goleiro Barbosa, que dará nome ao campo principal.

Apesar da inauguração, as obras ainda não foram totalmente concluídas. A quarta fase de arrecadação via crowdfunding ainda está em andamento. O objetivo é arrecadar mais R$500 mil para a finalização das edificações do futebol profissional. 

– Sem falsa modéstia, os resultados alcançados de 2018 para cá são expressivos e nos permitem sonhar de olhos bem abertos com novas realizações a altura do clube. São inegáveis as nossas conquistas nos últimos anos, até mesmo por quem milita na oposição – discursou Campello.

A construção do novo CT foi feita com a doação de sócios e os valores arrecadados chegam a  R$ 5,8 milhões. O torcedor Rafael Caseira, o primeiro doador, e os trabalhadores da obra foram foram lembrados pelo presidente vascaíno

O ponto alto da festa foi a homenagem ao ex-goleiro Moacyr Barbosa.  Emocionada, a filha do camisa 1 da Copa de 1950, Tereza Borba,  recebeu uma placa em homenagem ao pai, escolhido para dar nome ao campo um. 

– Tenho vontade de gritar de alegria. Venho há 25 anos lutando pela memória do meu pai porque as pessoas só se referiam a 1950 quando falavam dele. Queria mudar esse estigma. Quando se fala de Barbosa se fala de Vasco. Para mim é uma grande vitória essa homenagem. Ele merece. Aqui é a casa dele e onde conquistou tantos títulos, além de ser considerado um dos melhores goleiros de todos os tempos –lembrou Tereza.  

Os outros homenageados da noite foram ídolos dos gramados como Alexandre Torres, Ricardo Rocha, Mauricinho, Luizinho, Mauro Galvão, além do treinador campeão brasileiro de 1997 e da Libertadores, em 1998, Antonio Lopes.

A mudança definitiva dos treinos do time profissional para as novas instalações ainda não tem data definida. Segundo o clube, ainda será preciso uma fase de transição.