Vasco x Atlético MG Maxi Lopez

Maxi marcou em jogo que o Vasco perdeu para o Atlético-MG (Foto: Marcelo de Jesus/Raw Image/Lancepress!)

LANCE!
22/05/2019
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Os números do Vasco nesse início de Campeonato Brasileiro assustam. Com dois pontos em cinco jogos, a equipe já tem a pior campanha desde 2003, quando a competição passou a ser por pontos corridos. E se jogar como mandante salvou o Cruz-Maltino em outras oportunidades, desta vez o clube ainda não conseguiu encontrar a melhor forma.

A situação geral no Brasileirão é pior até do que os anos em que o clube acabou caindo para a Segunda Divisão: 2008 (7), 2013 (7) e 2015 (4). Em 2004, o Vasco também havia conquistado apenas dois pontos nas cinco primeiras rodadas. Porém, sofreu apenas cinco gols. Desta vez, são 11 contra.

Em 2019, atuando como mandante, o Vasco tem um dos piores aproveitamentos do país. Foram 16 jogos, sendo nove vitórias, quatro empates e três derrotas. No Brasileiro, são dois empates e uma derrota, sendo que uma das partidas aconteceu em Manaus.

- Ninguém que está aqui queria estar passando por isso. São cinco jogos sem nenhuma vitória. Lutamos bastante para furar o bloqueio do Avaí, mas acabamos sofrendo um gol no fim, da forma que foi, e lamentamos bastante, pois chegamos muito confiantes, com a auto-estima lá em cima para esse jogo. Realmente estamos passando por um momento delicado, mas precisamos superar tudo e voltar a vencer. Só vencendo que a gente irá mudar tudo isso que estamos passando. Queremos sair o quanto antes dessa zona desconfortável - disse Yago Pikachu após o empate contra o Avaí.

Antes da parada para a Copa América, o Vasco ainda terá duas partidas em seus domínios. Primeiro, encara o Internacional em São Januário, no dia 7 de junho. Depois, recebe o Ceará, no dia 13. Antes desses dois confrontos, o Cruz-Maltino ainda faz um clássico contra o Botafogo no Rio de Janeiro, no Nilton Santos. Na próxima rodada, o adversário será o Fortaleza no Castelão.

placeholder