Felipe Melo
01/06/2021
23:34
Bacaxá (RJ)

No estádio Elcyr Resende, o Vasco venceu o Boavista por 1 a 0 no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O gol da partida foi marcado pelo argentino Martín Sarrafiore no fim do primeiro tempo. Com o triunfo, o Cruz-Maltino saiu na frente e necessita apenas do empate no duelo de volta, na próxima quarta-feira, às 16h30, em São Januário, para garantir uma vaga nas oitavas de finais da competição. 

> Confira a tabela da Copa do Brasil

No próximo domingo, o Gigante da Colina volta a campo pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O adversário será a Ponte Preta, às 16h, no Moisés Lucarelli. No mesmo dia, porém às 18h, o Verdão de Saquarema estreia pela Série D também no estádio Elcyr Resende, diante do São Bento.

Boavista x Vasco
Jogadores comemoram gol da vitória do Vasco, marcado por Sarrafiore (Imagem: Reprodução/SporTV)


> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!


Falha inicial

Para o duelo, Marcelo Cabo trouxe duas novidades na escalação: Sarrafiore e Romulo. No entanto, logo aos 30 segundos de jogo, o volante errou um passe bobo na saída de bola e Michel Douglas chutou forte para Vanderlei espalmar. Minutos depois, o camisa 8 voltou a falhar, mas a marcação consegue evitar o chute e afastar o perigo. 

Aos 38, Lucas Lourenço tocou para o lateral Wisney, que chutou de primeira nas mãos de Vanderlei. Os donos da casa ainda tiveram mais uma chance no primeiro tempo. O lateral cruzou na área, mas Jean Victor não aproveitou a grande chance e furou.

Estrela argentina
Apesar do Vasco tentar impor o seu ritmo, o primeiro tempo foi morno e fraco tecnicamente. A equipe de Marcelo Cabo pecava na falta de intensidade e agressividade ofensiva. Na melhor chance, Morato chutou fraco, longe do gol de Ary. No fim, após bom cruzamento de Zeca pela esquerda, o camisa 10 tentou dominar, mas a bola sobrou para Martín Sarrafiore marcar em sua estreia como titular.

Paredão Cruz-Maltino
Na etapa final, o Boavista teve uma rápida jogada de contra-ataque, e Andrey fez falta  na meia lua. Na cobrança, Jean Victor cobrou forte, mas Vanderlei fez uma grande defesa e também fechou o gol no rebote, salvando o Cruz-Maltino. Logo depois, foi a vez dos visitantes revidarem, em grande jogada de Morato, que cruzou e a bola sobrou para Gabriel Pec chutar e Ary defender, sem dar rebote. 

Donos da casa com menos um
O Boavista passou a crescer no jogo e Marcelo Cabo decidiu fazer três alterações e dar mais equilíbrio ao meio de campo. Com a entrada de Léo Jabá, o Vasco teve boas chances de ampliar o placar. Após boa tabela com Pec na direita, o atacante recebeu na área, porém mandou por cima. O Verdão de Saquarema avançou, mas Lucas Lourenço subiu com Ricardo Graça, acertou o zagueiro vascaíno e foi expulso. 

No fim, os donos da casa foram para a pressão, mesmo com menos um.  Jean Victor cobrou falta na área, e o zagueiro Gustavo Geladeira cabeceou em cima de Vanderlei, que fez a defesa em dois tempos. Em seguida, o Vasco fez uma jogada aguda com Riquelme, que cruzou e a bola sobrou para Léo Jabá que mandou para fora. 

FICHA TÉCNICA
BOAVISTA 0X1 VASCO

Data e Hora: 01/06/2021, às 21h30
Local: Elcyr Resende, em Saquarema (RJ)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)
Cartão Amarelo: Lucas Lourenço e Ralph (BOA) / Andrey e Cano (VAS)
Cartão Vermelho: Lucas Lourenço (BOA)

Gol: Sarrafiore (44'/1T) (VAS)

BOAVISTA (Técnico: Leandrão)
Ary; Wisney (Caio Felipe 23'/2T), Douglas Pedroso, Victor Pereira e Jean Victor; Ralph Dias, Lucas Lourenço e Ryan Guilherme (Marion 32'/2T); Jefferson Renan (Gustavo Geladeira 38'/2T), Marquinhos e Michael Douglas

VASCO (Técnico: Marcelo Cabo)
Vanderlei, Léo Matos, Ernando, Ricardo Graça e Zeca (Riquelme 25'/2T); Romulo, Andrey (Bruno Gomes 25'/2T); Morato (Figueiredo 32'/2T), Sarrafiore (Léo Jabá 25'/2T) e Gabriel Pec; Cano.