Marcelo Cabo - Vasco

Marcelo Cabo elogiou os jogadores que entraram bem no segundo tempo (Rafael Ribeiro/Vasco)

LANCE!
18/07/2021
19:18
Rio de Janeiro (RJ)

Apesar de ter conseguido arrancar um empate no fim, o Vasco desperdiçou a chance de entrar no G4 pela primeira vez nesta Série B. Em coletiva de imprensa, o técnico Marcelo Cabo revelou um sentimento de frustração por não ter alcançado a quarta colocação, mas disse que o time melhorou no segundo tempo.

Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro


- A gente entrou muito convicto em busca da vitória. Tomamos um gol de bola parada, não conseguimos entregar o jogo que pensávamos no primeiro tempo, a equipe foi muito aquém. Corrigimos no intervalo, saímos do 4-4-2 para o 4-3-3 e nosso jogo melhorou no segundo tempo, fomos mais organizados. Implementamos uma marcação pressão, da onde até saiu o gol, as alterações surtiram efeito e subimos de produção - analisou Cabo, e em seguida emendou.

+ ATUAÇÕES: Vanderlei é o melhor do Vasco em empate 'no limite' com o Náutico

- A gente lamenta de não ter entrado no G4, é uma frustração. Jogamos um jogo de seis pontos, onde não deixamos o adversário sair vencedor. Era o líder. Mas saímos chateados com o empate em casa, nunca o Vasco vai se conformar com isso, com um empate em casa. Vamos continuar trabalhando, fizemos um bom segundo tempo. Quem entrou entregou muito e a gente ganha boas opções para a sequência da competição - disse.

+ Vasco destaca visita do ex-goleiro Hélton ao Centro de Treinamento do Almirante

O treinador enxergou uma evolução na equipe no segundo tempo com as alterações. Marcelo Cabo acredita que o Vasco ganhou boas alternativas para a sequência da temporada. Vale destacar que a assistência do gol de Morato foi do jovem Arthur Sales, que tem se destacado no sub-20. Além dele, Juninho entrou bem na volta do intervalo.

- Estamos buscando esse momento na competição. Hoje dominamos o Náutico no segundo tempo. A busca é por um jogo em que consigamos fazer isso durante os 90 minutos. É trabalhar, criar alternativas como hoje quando mudamos do 4-4-2 para o 4-3-3. Criamos boas chances, chegada no último terço e faltou capricho no acabamento. Isso vem com trabalho no dia a dia - afirmou.

O próximo compromisso do Cruz-Maltino será na quarta-feira, diante do CSA, às 21h30, no Rei Pelé. A partida é válida pela décima terceira rodada da Série B do Brasileirão.