Craig Tiley

Redes Sociais

TÊNIS NEWS
14/08/2020
08:37
Melbourne (Austrália)

Craig Tiley, CEO da Tennis Australia e organizador do Australian Open, afirmou à agência de notícias Reuters, que não obrigará nenhum tenista a disputar o torneio previsto para ser disputado em janeiro do ano que vem.

A federação australiana, a Tennis Australia, prevê cinco biobolhas em cidades pelo país para as quarentenas dos atletas já a partir de 1º de dezembro: "Estamos em contato com os organizadores do torneio de Auckland e demos todo o nosso apoio. Claro, ninguém obrigará os jogadores a fazer quarentena na Nova Zelândia e logo na Austrália. Queremos que o torneio de Doha siga vigente no calendário, mas será complicado. Os jogadores têm muita vontade de jogar na Austrália e nossa tarefa é convencê-los que podem vir sem perigo algum, não vamos forçar ninguém para que venha jogar",disse.