Christian Lindell de cinza, Duda Matos de azul e amarelo e Pedro Sakamoto de azul

Divulgação

TÊNIS NEWS
23/08/2020
21:30
Rio de Janeiro (RJ)

Foi definido, neste domingo, o campeão do primeiro torneio profissional da Tennis Route, no Recreio dos Bandeirantes, que distribuiu cerca de R$ 4 mil em premiação. O torneio teve atletas de vários cantos do Brasil, alguns dos melhores do país, e foi uma oportunidade dos atletas voltarem a competir antes da retomada do circuito mundial após a quarentena.

A final foi somente entre atleta da Tennis Route. Terceiro cabeça de chave, o carioca que atua pela Suécia, Christian Lindell, derrotou o segundo favorito, Pedro Sakamoto, de Guarulhos (SP), por 6/1 6/4 em duelo realizado na quadra coberta por conta do mau tempo dos dias anteriores na capital carioca.
Lindell, 330º do mundo e tenista que já defendeu seu país pela Copa Davis, torneio de nações do tênis, vinha de vitória na semifinal contra o principal favorito, o gaúcho Guilherme Clezar, 270º do mundo, e chegou embalado para a decisão. Depois de um primeiro set beirando a perfeição, esteve abaixo em 4/2 no segundo set, mas após games lutados, conseguiu a virada e vitória no terceiro match-point.

"Muito feliz com o nível que estou apresentando, tanto tempo treinando que você acaba se sentindo confiante, se sentindo bem, mas tem coisas que você só consegue saber quando joga. Por mais que seja um torneio de preparação para a volta do circuito mundial, competi de forma muito profissional como se fosse um evento valendo pontos para o ranking e com certeza isso vai me ajudar para voltar se Deus quiser viajar em algumas semanas para os torneios da Europa e foi muito bom para o ritmo", disse Lindell que comentou sobre a partida: "O primeiro set o 6/1 foi mais mérito meu. Estava sacando muito bem, cometendo pouquíssimos erros, ganhei alguns pontos na sorte. No segundo set ele elevou um pouco o nível, abriu uma quebra, até merecia ter ganho, mas me mantive firme, concentrado e consegui virar".

Apesar da derrota, Sakamoto destacou pontos positivos da semana: "O jogo hoje foi um pouco diferente do que vinha sendo, sai nos dois sets abaixo no placar, Christian jogou melhor que eu principalmente nos pontos importantes. No segundo tive uma quebra acima, os três primeiros games foram muito bem disputados, elevou a tensão, algo que não rolou nos últimos jogos onde saía bem e me sentia confortável depois de dois, três games. Hoje foi história diferente. Ele sacou muito bem , quadra coberta, favoreceu um pouco para o estilo dele, ele sacou bem os primeiros saques, eu errei muito nas conclusões dos pontos, subi muito à rede e quase não convertia outro detalheque preciso ir ajustando dia-a-dia", disse Sakamoto que deve voltar a competir no circuito mundial em setembro, mas ainda não definiu calendário.
"Está complicado, vamos tentar mês que vem jogar torneios,estamos vendo as opções de países que vão nos deixar entrar, aqui no Brasil ainda está alto o número de contágios. Enquanto isso aqui no Brasil o plano é jogar o máximo possível antes de voltar aos torneios oficiais para viver situações que está na frente, atrás, realmente ganhar ritmo, esse é o objetivo."

Coordenador da Tennis Route, Duda Matos destacou a importância da realização do primeiro torneio profissional na academia. Na próxima teremos mais um começando já nesta segunda-feira às 9h.
"É bacana, importância da turma competir entre eles. Estão super ansiosos para voltar o circuito e ter essa oportunidade de jogar em casa. Ainda falta ritmo de jogo para todo mundo, todos lutando para conseguir alcançá-lo, mas é importante eles fazerem esses jogos antes da volta ao circuito e muito bom ter participação do Guilherme Clezar, do Natan Rodrigues, Mateus Alves, super válido o torneio e semana agora teremos outro bom torneio para eles e agora em setembro voltaremos a competir na Europa", destacou.
Segundo torneio profissional larga nesta segundacom 13 jogos. Semana terá também chave de duplas com presença de top 100 mundial . Semana irá distribuir R$ 6 mil em premiação

A partir desta segunda-feira, às 9h, começa a segunda semana de torneios na Tennis Route com treze partidas e a novidade é a chave feminina e chave de duplas do masculino.

Entre os homens os quatro principais favoritos só estreiam para o meio da semana a partir das quartas de final. Guilherme Clezar, de Porto Alegre (RS), 270 do mundo, é o cabeça de chave 1, Sakamoto é o segundo pré-classificado, Lindell, o terceiro, e o carioca Wilson Leite, o quarto.

A novidade entre os homens é a presença do paulista de Sertãozinho, João Pedro Sorgi, ex-top 8 mundial juvenil, que vem de Itajaí (SC). Ele aguarda pelo vencedor de Maurício Cassimiro e Lucas Costa e deve atuar na terça-feira.
As mulheres estreiam já nesta segunda-feira com dois grupos de quatro atletas todas se enfrentando a partir das 12h.
As duplas largam no meio da semana com presença de Fernando Romboli, quarto melhor duplista do país, 93º do mundo e com participações em torneios da série mais alta do circuito mundial nível ATP este ano. O carioca é o cabeça de chave 1 ao lado de Guilherme Clezar.

A segunda semana de torneios da Tennis Route distribui um total de R$ 6 mil e tem o patrocínio da CPR Med.

Programação desta Segunda-Feira - 2º torneio Profissional Tennis Route:

9h - Bernardo Peralta x Gustavo Giudici
Mauricio Cassimiro x Lucas Costa
10h30 - Marcelo Brocchi x Gustavo Parisi
João Passos x Lucas FulyFelipe Peixoto x Alex Icaza
12h - João Fonseca x Sandro Reis
Luis Bulcão x Rodrigo Giudici
Ana Flavia Rodrigues x Carol Oliveira
14h - Pedro Nordi x Guilherme da Matta
Nicolas Oliveira x Felipe Vazsonyi
15h30 - Isabela Mercante x Vitoria Maximiliano
Camila Lago x Valentina Silva
17h - Joaquim Fernandes x Daniel Szuczpak