Guilherme Clezar

Divulgação

TÊNIS NEWS
20/08/2020
19:16
Rio de Janeiro (RJ)

Mesmo com o mau tempo no Rio de Janeiro nesta quinta-feira foram realizados os quatro jogos das quartas de final do torneio profissional realizado na academia Tennis Route, no Recreio dos Bandeirantes, que distribui cerca de R$ 4 mil em premiação total.

O torneio tem atletas de vários cantos do Brasil, alguns dos melhores do país, e é uma oportunidade dos atletas voltarem a competir antes da retomada do circuito mundial após a quarentena.

O gaúcho Guilherme Clezar, 270 do mundo e quarto do Brasil, cabeça de chave 1 do evento, superou o carioca Christian Oliveira por 6/3 6/0: "Fiz um bom jogo. Estive bastante firme nas trocas de bola e consegui impor meu ritmo e esse foi o grande diferencial", disse o tenista natural de Porto Alegre que encara o carioca que atua pela Suécia, Christian Lindell, terceiro favorito e atleta da academia Tennis Route, que passou pelo paulista Laelson Rodrigues por 6/2 6/4: "Já nos conhecemos muito e sabemos as virtudes de cada um. Espero que possa ser um grande jogo", continuou Clezar.

Clezar já treinou na Tennis Route e atualmente está com o novo técnico, André Ghem. Ele passou a quarentena em Porto Alegre e vem utilizando o torneio na Tennis Route para colher ritmo de jogo para retornar ao circuito.

"É ótimo poder estar de volta aqui na Tennis Route. Sou muito bem recebido e posso dizer que é como estar em casa", disse o tenista: "Fiquei todo o tempo em Porto Alegre. Joguei meu último torneio em Monterrey (México) no início de março e fiquei lá desde então. Fiz muitos trabalhos físicos, já que os clubes ficaram fechados por um longo período, e acho que isso foi bom para mim em certo ponto, pois era uma defasagem que eu tinha. Fiquei março inteiro e metade de abril sem treinar, me mantinha fisicamente só. A partir da metade de abril comecei a jogar duas, três vezes por semana e estava assim até semana passada, quando vim jogar os torneios. Fazia físico também, de três até quatro vezes na semana. Como não tinha nenhuma perspectiva de jogar novamente, pensamos em focar mais no físico e não tanto na quadra e também pensamos em não nos desgastarmos mentalmente treinando demais sem ter perspectiva de jogar. Acho que fizemos bem, consegui evoluir nessa parte mais fora da quadra".

Assim como vários tenistas brasileiros, Clezar está na dependência de maior clareza para entrar nos países para poder voltar a competir no circuito mundial:
"Não tenho absolutamente nada (de calendário). Dependo 100% das fronteiras estarem abertas na Europa para poder voltar a jogar. Não tenho passaporte europeu, então não posso jogar os torneios".

A outra semifinal será entre o atleta da Tennis Route, o paulista de Guarulhos, Pedro Sakamoto, 297º e segundo favorito, e o quinto cabeça de chave, o paulista de São José do Rio Preto, Mateus Alves, que marcou um duplo 6/3 eliminando o carioca Wilson Leite, quarto pré-classificado. Sakamoto marcou 6/3 7/6 sobre o top 10 juvenil, o baiano Natan Rodrigues que tem na mira o torneio de Roland Garros júnior que será realizado em outubro.

"Foi um jogo muito bom hoje, consegui fazer tudo o que vinha treinando lá em Rio Preto a saí muito contente da quadra, consegui ser agressivo, saquei bem o tempo todo, devolvi, acho que esse é o caminho do meu jogo e me sinto muito confortável jogando desse jeito", disse o tenista do interior de São Paulo: "Fiquei uma semana parado desde que começou a quarentena. Por sorte moro em um condomínio que tem quadra de tênis e consegui ficar treinando . Tem sido praticamente uma pré-temporada. Estou animado, tenho treinado bastante, bem e espero voltar o mais rápido os torneios ao normal. Tenho uma pequena previsão de voltar em torneios profissionais futures em Portugal. Estou inscrito em um e espero poder voltar lá", disse Mateus.

A academia tem atletas como Thiago Wild e Marcelo Demoliner já estão nos Estados Unidos de olho no US Open no fim do mês. Os demais ainda vão definir calendário por conta da quarentena e poucas opções ainda do circuito mundial.

Novos torneios profissionais na Tennis Route distribui R$ 6 mil a partir de segunda-feira

Após o sucesso da primeira edição do torneio profissional da Tennis Route, a academia vai organizar outros dois eventos simultâneos a partir desta segunda-feira com inscrições abertas até o sábado, 12h.

Será mais um torneio de simples com premiação de R$ 4 mil e outro de duplas com premiação de R$ 2 mil, totalizando R$ 6 mil em distribuição. Os torneios têm o patrocínio da CPR Med.

Já estão confirmadas presenças de Guilherme Clezar, Pedro Sakamoto, Christian Oliveira, Christian Lindell, além de João Pedro Sorgi, natural de Sertãozinho (SP) e que está treinando em Itajaí (SC).

As inscrições podem ser feitas pelo telefone (21) 99047-4108



Resultados desta Quinta-Feira:

Quartas de Final

(1) Guilherme Clezar 6/3 6/0 Christian Oliveira

(2) Pedro Sakamoto 6/2 7/6 (8) Natan Rodrigues

(3) Christian Lindell 6/2 6/4 (7) Laelson Rodrigues

(5) Mateus Alves 6/3 6/3 (4) Wilson Leite



10h - Guilherme Clezar x Christian Lindell

10h - Pedro Sakamoto x Mateus Alves