Victoria Azarenka

Miami Open

Tênis News
26/08/2020
19:13
Nova York

Na entrevista concedida ainda em quadra após se garantir na semifinal em Cincinnati, a bielorrussa Victoria Azarenka revelou que as vezes o pedido do filho Leo de "não ir trabalhar" dificulta as coisas, mas está feliz jogando tênis.

Vika começou falando da dificuldade de enfrentar a tunisiana: "Foi realmente muito difícil, eu nunca a tinha enfrentado antes e esperava um jogo difícil. Mas foi complicado, o primeiro set foi muito parelho, ela teve setpoints e aí eu tive setpoints. Nós duas produzimos um bom tênis e estou feliz de ter me mantido forte", resumiu.

A bielorrusa foi questionada sobre que aspecto do tênis tem sido mais importante para ela: voltar a vencer bons jogos, jogar bem, fora de quadra ou o circuito e ela foi sincera: "Eu não sei. Sinceramente, não sei. Eu apenas tento curtir cada dia e superar nele minhas metas. Tenho gostado de estar em quadra, de vir aqui jogar contra jogadoras que eu nunca enfrentei e outras que já me venceram. Eu tô curtindo".

A tenista ainda falou que a questão de se manter competitiva tem a ver com o estado de espírito que tem.

Uma das mães mais badaladas do circuito, Vika revelou que não assistirá a partida que definirá sua rival entre a britânica Johanna Konta e a grega Maria Sakkari. "Eu vou voltar pro meu bebê", revelou. Azarenka contou que o filho, Leo de 3 anos, tem começado a aprender a jogar tênis, tem curtido a experiência. "Ele saiu de um treino eme perguntou: 'Mamãe, quando é meu próximo treino?' e ele também me pediu: 'Posso falar com o meu treinador', ele tem curtido a experiência", revelou ela que acredita que o filho ainda não entende o conceito de vencer ou perder e que como toda criança de sua idade percebe o tênis como o trabalho de sua mãe. "Ele vê como meu trabalho e as vezes ele me pede pra não ir trabalhar, o que dificulta um pouco as coisas", contou.