Richarlyson (Foto: Divulgação)

Richarlyson jogou seis anos pelo São Paulo e se imortalizou com a camisa 20 tricolor (Foto: Acervo/LANCE!)

Rafael Ribeiro e Gabriel Teles
27/06/2022
09:54
São Paulo (SP)

Após o empate por 0 a 0 do São Paulo com o Juventude, Rogério Ceni respondeu na entrevista coletiva a uma pergunta sobre a revelação feita por Richarlyson em episódio no podcast 'Nos armários dos Vestiários' de que é bissexual. O treinador declarou que a orientação sexual não interfere na consideração que tem pelo ex-companheiro de clube.


GALERIA
> ATUAÇÕES: Nestor incendeia a partida, mas não evita empate

- Primeiro que ele é meu amigo, isso é o mais importante. O cara que ajudou a construir a história desse clube, ajudou a conquistar títulos. Qualquer opção que ele escolha, vai ser sempre um grande parceiro, amigo, o trato da mesma maneira. Ele vai ser sempre um grande parceiro, um grande amigo, vai ser sempre recebido da mesma maneira - disse o técnico.

Ceni falou do moral que o ex-jogador no São Paulo e fez questão de deixar claro que Richarlyson pode contar com a equipe que fez história jogando.

- Gosto do Richarlyson. É um cara fantástico, formidável. A porta do São Paulo e do CT está sempre aberta para ele quando quiser ver treinos. É um cara que deixou tudo dentro do campo, isso é o mais importante - concluiu o ídolo Tricolor.

Eternizado com a camisa 20 tricolor e um lugar na Calçada da Fama do Morumbi, Richarlyson tem 147 jogos pelo São Paulo e seis gols marcados. Foram seis anos de convívio com Ceni, na época goleiro e capitão da equipe, entre 2005 e 2010, período em que conquistou o Mundial de Clubes de 2005 e o tri Brasileiro de 2006-08.

TABELA
> Confira jogos, classificação e simule resultados do Brasileirão-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!