LANCE!
20/04/2022
22:03
Caxias do Sul (RS)

O São Paulo empatou com o Juventude por 2 a 2, na noite desta quarta-feira (20), no Alfredo Jaconi e deixou o confronto em aberto pela terceira fase da Copa do Brasil. Os paraguaios Pitta e Óscar Ruíz marcaram para o clube gaúcho, enquanto Arboleda e Reinaldo empataram para o Tricolor. 

> ATUAÇÕES: Com falhas na defesa, São Paulo joga mal, mas garante empate no fim contra o Juventude

Agora, quem vencer no jogo de volta, que acontecerá no dia 12 de maio, no Morumbi, passa de fase. Caso uma das equipes vença, se classificará.

VEJA E SIMULE A TABELA DA COPA DO BRASIL!

JOGO COMEÇA COM SÃO PAULO CRIANDO CHANCES
​​A partida iniciou com o São Paulo buscando mais o ataque e tendo boas oportunidades. A primeira foi logo aos três minutos. Alisson aproveitou sobra de bola na área, bateu de primeira, mas a bola subiu e foi por cima da meta do Juventude. 

Cinco minutos depois, aos oito, mais uma finalização de Alisson. Após boa tabela no meio-campo, a bola chegou para o meio-campista, que bateu de primeira para a defesa de César. 

JUVENTUDE MELHORA E ABRE O PLACAR COM PITTA
Conforme a primeira etapa ia acontecendo, a equipe da casa ia melhorando e conseguindo boas oportunidades. Aos 15, Jadson limpou a marcação e arriscou de fora da área. A bola passou ao lado de Jandrei e foi direto para a linha de fundo. Dois minutos depois, Moccelin bateu cruzado, mas a bola foi para fora. 

Até que aos 24 o Juventude abriu o marcador. Após boa jogada, William Matheus ajeitou de cabeça para Pitta, que também de cabeça, tocou na saída de Jandrei para colocar o time da casa na frente do placar. 

SÃO PAULO NÃO REAGE E JUVENTUDE AMPLIA COM GOLAÇO
O São Paulo continuava tendo dificuldades e não assustava a meta de César. Sendo assim, o Juventude tomou as rédeas da partida e ampliou com um golaço. Aos 33, Óscar Ruíz recebeu bola de Pitta no meio de campo, carregou sem marcação e arriscou a finalização de longe. A bola foi no ângulo, sem chances para Jandrei.

O jogo até o intervalo seguiu na mesma situação, com o Juventude arriscando mais jogadas ofensivas, enquanto o São Paulo tinha dificuldades de armar no ataque. 

Juventude x São Paulo
São Paulo empatou com Juventude (Foto: Rubens Chiri/Saopaulofc.net)

ARBOLEDA DIMINUI PARA O SÃO PAULO APÓS O INTERVALO
​A etapa final começou com o São Paulo já diminuindo o marcador. Aos dois minutos, Arboleda completou escanteio cobrado por Reinaldo e de cabeça, diminuiu o placar. 

Com dez minutos, o Juventude tentou  assustar em cobrança de falta. Pitta bateu a cobrança com força, mas bola subiu demais e saiu pela linha de fundo. Aos 18, o Juventude marcou com Rafael Forster após cruzamento, mas o defensor estava impedido e o gol foi anulado. 

SÃO PAULO PRESSIONA E CRIA BOAS CHANCES
Buscando o empate, o Tricolor procurou chegar mais ao ataque. Aos 31, Calleri recebeu cruzamento na primeira trave, desviou e a bola passou muito perto do gol de César. Um minuto depois, André Anderson arriscou finalização de fora da área, a bola desviou e quase entrou.

REINALDO MARCA DE PÊNALTI NOS ACRÉSCIMOS E EMPATA; JUVENTUDE PERDE GRANDE CHANCE
Quando o jogo parecia que ia terminar com a vitória do Juventude, a bola bateu na mão de Paulinho Moccelin na área, aos 46 minutos. Pênalti que Reinaldo bateu, deslocando o goleiro César e empatando a partida. 

Ainda deu tempo de, aos 52, Paulinho Moccelin receber sem goleiro e bater por cima do gol de Jandrei.

FICHA TÉCNICA
JUVENTUDE 2 X 2 SÃO PAULO
Local:
Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data/Horário: 20/04/2022, às 19h30
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)
Assistentes: Daniel do Espirito Santo Parro (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
Cartões amarelos: Luciano, Reinaldo, Arboleda (SAO), Vitor Mendes, Guilherme Parede, William Matheus (JUV)
Cartões vermelhos:
Gols: Pitta (24'/1ºT) (1-0), Óscar Ruíz (33'/1ºT) (2-0), Arboleda (02'/2ºT) (2-1), Reinaldo (47'/2ºT) (2-2)

JUVENTUDE
César; Rodrigo Soares (Rômulo, aos 42'/2ºT), Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Yuri, Jadson e Óscar Ruiz (Edinho, aos 22'/2ºT) (Guilherme Parede, aos 28'/2ºT; Capixaba (Jean, aos 27'/2ºT), Paulinho Moccelin e Isidro Pitta (Vitor Gabriel, aos 42'/2ºT). Técnico: Eduardo Baptista.

SÃO PAULO
Jandrei, Igor Vinícius (Moreira, aos 20'/2ºT), Miranda, Arboleda e Reinaldo; Pablo Maia, Talles Costa (Nikão/Intervalo), Gabriel Sara (Rodrigo Nestor/Intervalo) e Alisson (Patrick, aos 31'/2ºT); Luciano (André Anderson/Intervalo) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.