Raí - diretor do São Paulo (Fellipe Lucena)

Raí - diretor do São Paulo (Fellipe Lucena)

LANCE!
30/05/2019
01:32
São Paulo (SP)

Vice-campeão paulista e eliminado de forma precoce na Libertadores e na Copa do Brasil, o São Paulo disputará só o Brasileirão até o fim do ano - se a anulação da vitória do Palmeiras sobre o Botafogo não for confirmada pelo STJD, a distância para o líder é de cinco pontos após seis rodadas disputadas. O diretor de futebol do Tricolor, Raí, diz que brigar por essa taça é praticamente uma obrigação.

- Um time do tamanho do São Paulo, jogando um campeonato só, tem uma necessidade ainda maior de brigar pelo título. Com o time que tem, com a comissão técnica que tem, com a estrutura que tem, precisa brigar pelo título agora. Já precisaria, agora mais ainda. Vamos correr atrás e estamos confiantes - disse o ídolo.

Raí também reforçou a confiança na diretoria em Cuca e, em vez de criticar as atuações do São Paulo, preferiu exaltar o desempenho do Bahia.

- O time se entregou bastante e a gente tem que reconhecer o valor do Bahia, que fez grandes jogos lá e aqui e sem dúvida nenhuma tem um dos melhores sistemas defensivos do futebol brasileiro. É um time que mostrou um grande potencial de se defender. O São Paulo tentou de várias formas. Se não deu certo é porque ainda tem o que melhorar. Vamos aperfeiçoar uma coisa aqui e outra ali, mas confiamos muito no Cuca, na comissão técnica, e acreditamos que vamos fazer um grande Brasileiro, lutando pelo título.

O São Paulo volta a jogar pelo Brasileirão no domingo, às 17h, no Pacaembu, contra o Cruzeiro.