Ceni durante derrota para o Red Bull Bragantino

Ceni traçou o planejamento do São Paulo no mercado para 2022 (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Gabriel Santos
04/11/2021
07:00
São Paulo (SP)

O São Paulo deve ter um foco definido na janela de transferências para a próxima temporada: jovens promissores e que se encaixem na folha salarial do clube, sem cometer loucuras financeiras. Esse direcionamento foi explicado pelo técnico Rogério Ceni após a vitória sobre o Internacional.

- Vamos atrás de atletas mais jovens. Precisamos nos reforçar ano que vem, dentro das possibilidades financeiras do clube. Temos que diminuir a folha salarial, fazer com que o São Paulo volte a ter vida própria no futuro - afirmou o treinador. 

Conforme apurado pelo LANCE!, o São Paulo já olha com mais atenção para o mercado, mas sabe que não pode fazer grandes investimentos. Um exemplo de negociação já descartada pelo próprio Rogério Ceni foi uma possível investida no trio Felipe Alves, do Fortaleza e William Arão e Diego, do Flamengo. 

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

- Em momento algum foi solicitado para a direção. Eu sei o momento que o São Paulo atravessa, o tamanho da situação em que nos encontramos. Então vamos ao mercado ano que vem, mas sem condições de trazer jogadores desse nível – disse o treinador. 

Então, contratações de jogadores experientes e consequentemente com salários maiores não devem acontecer. Nesse ano, atletas mais renomados como o volante William e o atacante Eder chegaram ao clube, mas não tiveram muito espaço. O primeiro está lesionado e o segundo é presença constante entre os reservas. 

Além do mais, há as expectativas de vendas de jogadores na próxima temporada, principalmente dos garotos revelados em Cotia, como os meias Gabriel Sara e Igor Gomes e os volantes Luan, Liziero e Rodrigo Nestor. Luan, inclusive, foi alvo de sondagens no começo deste ano.