Luciano - São Paulo x Juventude

Luciano comemora gol na vitória sobre o Juventude: atuação de gala no Morumbi (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Rafael Franco
06/12/2021
22:14
São Paulo (SP)

Depois de ter o seu punho esquerdo operado no último dia 20 de novembro, quando foi submetido a uma cirurgia para a correção de uma fratura no osso escafoide esquerdo, Luciano chegou a ser visto como possível desfalque do São Paulo até o fim do Campeonato Brasileiro. Porém, o atacante voltou ao time com uma atuação de gala na noite desta segunda-feira, no Morumbi, onde marcou dois gols e ainda participou do lance em que Calleri balançou as redes na vitória por 3 a 1 sobre o Juventude, pela penúltima rodada da competição.

> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

Com esse ótimo desempenho, o jogador teve um papel decisivo para o triunfo que livrou a equipe tricolor do risco de rebaixamento à Série B e depois fez um pequeno desabafo ao lembrar que algumas pessoas chegaram a dizer que ele não voltaria mais ao time são-paulino nesta reta final do torneio nacional.

- Cara, muita gente falou que eu não jogaria. Eu queria voltar o quanto antes. Quero agradecer aos médicos do São Paulo, minha família, que me ajudou. Pude voltar no jogo importante, não na situação que eu queria ajudar. Bola pra frente, campeonato ruim, agora é pensar no último jogo - disse Luciano, em entrevista ao canal Premiere, ainda no gramado do estádio são-paulino.

Com a sua atuação decisiva, além de fazer o São Paulo se livrar do descenso, ele ajudou a manter o time na briga por uma vaga na Libertadores de 2022. Porém, ao ser lembrado de que o clube entrou neste Brasileirão após ter conquistado o Campeonato Paulista, título que o Tricolor não ganhava desde 2005, o atleta reconheceu que ele e seus companheiros poderiam estar lutando por objetivos mais nobres do que os atuais nesta reta derradeira de Brasileirão.

- A gente tirou o time de (uma fila de) muito tempo sem ganhar (o Paulistão). E aí a gente veio com boa expectativa para o Brasileiro. Não foi o que a gente fez. Vamos descansar, pensar no próximo jogo e na próxima temporada para ser melhor - projetou o atacante, já vislumbrando os desafios que virão em 2022.

Por causa de um cartão amarelo tomado com uma falta que ele fez com apenas 20 segundos de partida contra o Juventude, Luciano recebeu o terceiro cartão amarelo e não poderá enfrentar o América-MG nesta quinta-feira, às 21h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela rodada final do Brasileirão. Porém, o mais importante é que ele retornou em grande estilo à equipe nesta segunda e foi decisivo para o objetivo primordial neste término de campeonato, que era a permanência na elite nacional para o próximo ano.