LANCE!
29/07/2018
19:38
São Paulo (SP)

Diego Souza abriu o placar da vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, neste domingo, no Mineirão, e ajudou segurando a bola como pôde no ataque. Mas saiu ressaltando a qualidade dos colegas. Destacando, principalmente, Reinaldo e o volante Luan, de 19 anos, titular no time principal do São Paulo pela primeira vez e só estreou no fim de semana passado.

- O time é de jovens, mas eles vêm da base do São Paulo, com personalidade. O menino hoje (Luan), de 19 anos, que facilidade para jogar... A gente só passa nossa experiência, porque já vivemos isso, e o sonho virou realidade. Não se ganha o Campeonato Brasileiro com 11 jogadores, mas com o grupo. Temos maturidade e condições. Falta muito campeonato, mas temos condições - ressaltou, indicando que Luan só precisou ter tranquilidade mesmo.

- Ele viveu um sonho de criança. Quando você pega a sacolinha, com 12, 13 anos, e entra no ônibus, sonha estar aqui. E isso vira realidade de uma hora para outra. Passamos tranquilidade, porque ele não precisa ser o melhor jogador do mundo hoje, só ter tranquilidade para jogar o bom futebol que tem, e vai dar tudo certo - declarou.


Luan foi titular porque Hudson estava suspenso. O mesmo ocorreu com Militão e Arboleda, substituídos por Araruna e Bruno Alves. E todos receberam elogios de Diego Souza, inclusive Reinaldo que fez o lançamento que puxou o contra-ataque que culminou no gol do camisa 9 e deu a assistência para Everton fechar o placar.

- O Reinaldo é fantástico, impecável. Não foi tanto na frente, mas foi fundamental na marcação e tem qualidade na frente para chutar e passar. E teve ainda a marcação do Anderson, o Bruno (Alves) entrou bem, o Araruna não é lateral de origem e, mesmo assim, nos deu tranquilidade se segurança. O grupo é forte. Falta muito campeonato ainda, mas o grupo é forte.

Depois de 16 rodadas no Campeonato Brasileiro, o São Paulo ocupa a segunda colocação, a dois pontos do Flamengo, líder da competição. O Tricolor volta a jogar pelo torneio nacional no próximo domingo, contra o Vasco, no Morumbi. Antes, na quinta-feira, recebe o argentino Colón, pela Copa Sul-Americana.