Montagem - Luan, Liziero, Antony e Igor Gomes

Luan, Liziero, Antony e Igor Gomes - Reprodução

Fellipe Lucena
13/04/2019
08:00
São Paulo (SP)

O São Paulo jogará a final do Campeonato Paulista, contra o Corinthians, conduzido por quatro jogadores que eram crianças no ano do último título estadual do clube. Luan, Liziero, Igor Gomes e Antony, todos crias de Cotia, são os principais nomes da equipe nos mata-matas.

Em 3 de abril de 2005, dia em que o Tricolor de Rogério Ceni, Lugano e companhia empatou por 0 a 0 com o Santos e garantiu o título paulista por pontos corridos, o mais velho do quarteto era Liziero: nascido em fevereiro de 1998, tinha sete anos (hoje tem 21).

​Luan, nascido em 1999, completou seis anos no mês seguinte à conquista do São Paulo. Igor Gomes, nascido no mesmo ano, já tinha festejado seu sexto aniversário. O mais jovem da turma é Antony, nascido em fevereiro de 2000, que tinha cinco anos recém-completos na época.

​Nenê, o jogador mais velho do elenco são-paulino com 37 anos, já tinha 24 quando o time comandado por Emerson Leão foi campeão. Ele estava jogando no Alavés, da Espanha, após se destacar no Brasil com as camisas do Paulista, do Santos e do Palmeiras.

​Hernanes, hoje com 33 anos, já era jogador do São Paulo naquela ocasião. Tinha 19 anos e ainda estava jogando na base. Sua estreia como profissional foi naquela mesma temporada, mas apenas no segundo semestre.