Everton-CHI x São Paulo - Rogério Ceni

Rogério Ceni fez críticas à arbitragem da partida no Castelão (Foto: MARTIN BERNETTI / AFP)

LANCE!
08/05/2022
22:42
São Paulo (SP)

Após o empate por 1 a 1 com o Fortaleza na Arena Castelão, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico do São Paulo, Rogério Ceni, fez críticas à arbitragem da partida. Segundo o comandante, os erros foram cometidos para os dois lados, o que atrapalhou a partida.

- O juiz picotou o jogo todo, uma arbitragem horrorosa para os dois lados, estragou o jogo. O árbitro estragou o jogo não em benefício do Fortaleza, mas o jogo como todo - iniciou o comandante tricolor.

GALERIA
> ATUAÇÕES: Luciano sai do banco para marcar pelo São Paulo, mas defesa vacila e cede empate


TABELA
> Veja tabela do Campeonato Brasileiro e simule os próximos jogos


Rogério Ceni comentou o lance que deu origem ao gol do Fortaleza, anotado por Yago Pikachu, e que garantiu o empate da equipe mandante. Segundo o técnico, Calleri foi segurado, mas o árbitro Ramon Abatti Abel não assinalou falta.

- No momento de uma falta clara, se o Calleri só cai, ele receberia a falta, que de fato foi, pois ele foi segurado várias vezes. No momento em que ele não foi segurado, ele tentou progredir, e o árbitro deixa dar sequência no lance. E aí, no cruzamento da bola do lado contrário, o Pikachu teve a felicidade de fazer o gol - avaliou Ceni.

Apesar da reclamação, o treinador do São Paulo elogiou o gol marcado por Yago Pikachu, e também comentou sobre a alta temperatura em Fortaleza.

- Temos que reconhecer o mérito, porque a bola entrou no único lugar que passaria, na gaveta, um chute de primeira, uma bola difícil de pegar. Temos que melhorar bastante aqui, está todo mundo morto no vestiário, é difícil mesmo para quem não está acostumado com essa temperatura, cansa - completou o comandante.

Clique aqui e ganhe R$50 para jogar no Galera.bet