Jesualdo Ferreira e Rui Águas

Jesualdo Ferreira e Rui Águas no CT Rei Pelé (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Gabriela Brino
19/08/2020
13:52
Santos (SP)

O Santos entrou em acordo com o técnico Jesualdo Ferreira e sua comissão técnica pela multa rescisória. Segundo apurou o LANCE!, Após demitir o grupo, o Peixe propôs parcelar em 20 vezes o total de cerca de R$ 7,4 milhões.

O valor envolve a multa, direitos atrasados e corte de 70% do salário durante a pausa nos jogos devido a pandemia causada pelo coronavírus.

Os portugueses aceitaram a oferta com a condição de adicionarem uma cláusula de segurança nos papeis. Caso o Santos não cumpra com os pagamentos nas datas acordadas, haverá uma multa de 15%. 

Apesar da condução ruim que o clube teve com a demissão do grupo, os portugueses, em respeito a instituição, não quiseram piorar as coisas e facilitaram. Mas todos ficaram revoltados com o fato do presidente José Carlos Peres não ter comunicado presencialmente a saída.