Gabriela Brino
03/10/2020
21:01
Santos (SP)

O coordenador do departamento médico do Santos, Ricardo Galotti, esclareceu o quadro de trombose venosa profunda na perna direita de Raniel, que segundo apurou o LANCE!, deve ficar afastado por dois meses.

De acordo com doutor, as dores do atacante apareceram de repente, e apesar do susto, afirmou que está consideravelmente melhor. Raniel foi o segundo jogador do Peixe a ser diagnosticado com coronavírus, mas Galotti acha difícil confirmar a relação.

- Chegou do Paraguai sem dor nenhuma e no dia seguinte apresentou muita dor na panturrilha, com endurecimento na musculatura e dor proporcional. Fizemos a suspeita da trombose venosa profunda, foi levado para um centro de diagnóstica e a patologia foi diagnosticada - disse Galotti.

- Está estável, melhorou consideravelmente clinicamente e esperamos que melhore gradativamente. É difícil falarmos da relação com a covid-19, mas a covid tem mostrado fenômeno tromboembólico. Teve covid há um mês, estava completamente normal. Complicações podem ser embolia pulmonar e síndrome compartimental, que são casos graves - acrescentou.

Raniel está internado no Hospital Clínica do Esporte, em Goiânia, e ainda não teve alta para a remoção ao Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. A expectativa é que isso ocorra neste domingo.

Raniel
Raniel está com trombose venosa profunda (Ivan Storti\Santos FC)