Fábio Lázaro
09/08/2020
20:31
Santos (SP)

Titular no ataque do Santos no empate em 1 a 1 contra o Red Bull Bragantino, neste domingo, na Vila Belmiro, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, o atacante Kaio Jorge comentou a estreia de Cuca no comando da equipe.

Oficializado na última sexta-feira, o treinador comandou apenas dois treinamentos antes do confronto diante do Massa Bruta, mesmo assim o Kaio já viu diferença de postura em relação ao que o Peixe tinha apesentado até aqui na temporada, sob o comando de Jesualdo Ferreira.

– Professor Cuca é experiente, de grupo, sabe lidar com muitos tipos de situação. Modo de jogar já foi um pouco diferente, fomos mais agressivos. Ele me conhece, foi quem me subiu para o profissional. Agora é trabalhar bem para ter sequência – disse o jogador à Santos TV.

Kaio Jorge e Marinho
Jovem elogiou o técnico Cuca (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O atacante teve o seu primeiro contato com o time principal em 2018, quando Cuca dirigia o time em sua segunda passagem, porém foi neste ano que o garoto participou mais, fazendo a sua estreia como titular logo no jogo inaugural da temporada, e marcando pela primeira vez como profissional, no dia 3 de março, na vitória por 2 a 1 contra o Defensa y Justicia (ARG), no estádio Norberto Tomaghello, em Buenos Aires, pela primeira rodada do grupo G da Copa Libertadores da América. Kaio marcou o gol da virada santista fora de casa, mas desde então nunca mais foi às redes.

– Centroavante tem que marcar sempre, independentemente de qualquer coisa. Estou trabalhando bem, forte, e espero marcar em breve – afirmou o Menino da Vila.

Após o Peixe ter sido acionado judicialmente por Eduardo Sasha, que alega pendências financeiras e solicita a rescisão do seu contrato, Kaio saiu na frente da busca pela posição deixada. Atualmente, o jogador tem a concorrência de Raniel e Uribe no setor.