Santos em campo no intervalo do jogo contra o Boca Juniors

Santos em campo no intervalo do jogo contra o Boca Juniors. Foto: Ivan Storti/SantosFC

LANCE!DIÁRIO DO PEIXE
06/01/2021
20:32
Santos (SP)

O jogo contra o Boca Juniors nesta quarta-feira em La Bombonera, que terminou empatado em 0 a 0, fez o torcedor santista recordar de um dos momentos mais épicos da história do clube. O técnico Cuca optou por ficar no gramado com elenco, conversando com os jogadores, repetindo o que aconteceu na semifinal do Campeonato Brasileiro de 1995.


Na ocasião, o time comandado por Cabralzinho precisava golear o Fluminense e o treinador optou por não levar o time para o vestiário e ficar no gramado do Pacaembu, sentindo a energia da torcida.

O resultado foi histórico e está na lembrança de todos os torcedores santistas. Vitória por 5 a 2, gols de Giovanni (2), Macedo, Camanducaia e Marcelo Passos. Rogerinho fez os dois dos cariocas. O resultado levou o Santos para a final do Campeonato Brasileiro daquela temporada.

Santos e Boca Juniors decidem a vaga na grande final da Copa Libertadores da América na próxima quarta-feira, na Vila Belmiro. O Peixe precisa de uma vitória simples para conseguir a classificação. Empate em 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outro resultado classifica a equipe argentina

A decisão da competição está marcada para dia 30, no Maracanã. Na outra semifinal, o Palmeiras venceu o River Plate por 3 a 0 no jogo de ida, na Argentina, e pode perder por até dois gols de diferença na volta, terça-feira, no Allianz Parque, em São Paulo.