LANCE!
20/02/2017
13:19
São Paulo (SP)

A viagem do diretor de futebol Alexandre Mattos e do presidente Maurício Galiotte à Espanha resultou em uma modificação no contrato do zagueiro Yerry Mina: a prioridade de compra do Barcelona agora passará a valer depois da Copa do Mundo, sendo que antes ela valeria a partir de julho de 2017. O colombiano continua tendo vínculo com o Verdão até 2021 e inclusive ganhou um aumento salarial após as boas atuações no título brasileiro.

A prioridade dada ao Barcelona foi uma estratégia de Alexandre Mattos para garantir a contratação de Mina no meio do ano passado. O zagueiro, destaque do Independiente Santa Fe (COL), estava apalavrado com uma equipe do futebol alemão. O diretor conversou com o Barcelona e encontrou uma forma de garantir ao jogador que ele poderia jogar lá se aceitasse o Palmeiras.

Além da negociação envolvendo o zagueiro colombiano, Maurício Galiotte e Alexandre Mattos também deram os primeiros passos para a criação de um convênio entre Palmeiras e Barcelona. Em reuniões com clube catalão, foram discutidos assuntos como metodologia de trabalho, intercâmbio de treinadores e futebol de base, entre outros temas que irão compor esta aliança.