Reinaldo Carneiro Bastos

Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da FPF, minimizou a relação ruim com o Palmeiras (Foto: RODRIGO CORSI/ FPF)

LANCE!
23/10/2018
16:35
São Paulo (SP)

Enquanto os presidentes de Corinthians, Santos e São Paulo estiveram no Conselho Técnico do Campeonato Paulista de 2019, o Palmeiras não enviou nenhum representante ao evento da manhã desta terça-feira. Este é mais um capítulo da relação ruim entre o clube e Federação Paulista de Futebol, mas Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da FPF, minimizou as desavenças.

- O Palmeiras é gigante, tem um elenco maravilhoso, uma torcida gigante. O campeonato fala por si só. Não vem e respeitamos. Vem quem quer - disse Reinaldo, após o sorteio dos grupos da edição de 2019.


O Verdão rompeu com a FPF depois da decisão do Campeonato Paulista. O clube batalhou nos tribunais para comprovar que perdeu o título para o Corinthians graças a interferência externa na arbitragem. O caso chegou a ser levado para o TJD-SP e STJD, mas a Justiça não confirmou a versão do clube, que continua sustentando ter provas de que houve a ilegalidade.

Na semana passada, o presidente Maurício Galiotte repetiu o discurso de depois da decisão, quando chamou o torneio de "Paulistinha". Segundo ele, o campeonato é pequeno para o projeto do Palmeiras.

- Cada um fala o que quer e ouve o que quer. Temos de ter a convicção de que vai haver discordância, pontos contrários. Uma hora isto vai acabar (a diferença). O Palmeiras é filiado e tem respeito da federação, independente do presidente - acrescentou o presidente da FPF.

Chegou-se a cogitar até a ausência do Palmeiras no próximo Paulistão, ou que o clube utilizasse somente jogadores das categorias de base no torneio. Mas as duas opções estão descartadas.

O Verdão está no Grupo B do próximo Campeonato Paulista, na chave que ainda conta com Novorizontino, São Bento e Guarani.